Causas e tratamentos para dores nas costas

Muito comum na vida do brasileiro, as dores na coluna são a terceira causa de aposentadoria no país. Ela é de fácil tratamento: fisioterapia ou academia

None
Foto iStock.com image

por Redação Alto Astral
Publicado em 10/08/2016 às 11:00
Atualizado às 21:01

A dor nas costas é a terceira causa de aposentadoria e a segunda de licença ao trabalho no Brasil, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Ela pode ser fraca ou forte, recorrente ou esporádica, generalizada ou focal, mas uma coisa ela sempre é: incômoda. A dor nas costas não escolhe idade ou sexo, podendo aparecer a qualquer momento. Confira alguns tipos.

Homem, triste, com dor nas costas, em casa

Foto iStock.com/ Getty images

Lombalgia

Se caracteriza por um incômodo na região lombar, a mais baixa da coluna, acima do quadril. Não é uma doença, e sim um tipo de dor que pode ter várias origens sendo a hérnia de disco e a falta de fortalecimento muscular (que gera a sobrecarga de peso na região) as causas mais recorrentes.

Cervicalgia

No extremo oposto da coluna lombar, está a coluna cervical. Má postura ao ler, usar o computador e dormir, além da contração muscular devido a momentos de tensão, são as principais causas da dor que atinge esta região, chamada de cervicalgia. Desconforto ao mover o pescoço e os ombros são os principais sintomas.

Lordose e escoliose

O diagnóstico de um desses problemas não significa que haja alguma doença, e sim uma curvatura anormal na coluna. Tal alteração pode ou não refletir em dores nas costas mas, na maioria das vezes, o desconforto é causado pelas consequências que essa curvatura causa nas vértebras, discos e articulações.

Mulher, branca, em pé, com dores nas costas

Foto iStock.com / getty imagens

Onde dói?

Coluna cervical

Desconforto na região do pescoço e dos ombros indicam problemas na coluna cervical. A dor pode se espalhar para os braços, pescoço e mãos.

Coluna toráxica

No meio das costas encontra-se a coluna toráxica, e dores nesta área podem ser causadas pela falta de exercícios físicos para fortalecer os músculos que sustentam a coluna.

Coluna lombar

Concentra a maior parte de queixas de dores nas costas, geradas pela má postura ou posições repetitivas. O desconforto pode se espalhar para as pernas, pés e quadril.

Tratamentos

Fisioterapia

Para quem já apresenta algum problema na coluna é importante procurar um fisioterapeuta para primeiro corrigir o incômodo antes de praticar atividades físicas, e não correr o risco de piorar o problema. Neste caso, é recomendado fazer sessões de fisioterapia e RPG. “O RPG é uma técnica de reabilitação, portanto, não conta como atividade física, pois só se pratica quem tem uma patologia importante a corrigir”, explica o educador físico Thiago Martinez.

Atividade física

O importante é não se entregar ao sedentarismo. “Qualquer atividade física bem realizada é capaz de melhorar a postura, mas aquelas onde a boa postura é exigida, como ioga, balé e karatê, podem ajudar ainda mais, pois estimulam o condicionamento cerebral e a memória muscular que levará à boa postura”, afirma o ortopedista Ricardo Ferreira.

SAIBA MAIS

Entenda porque a água é um líquido precioso

Tire suas dúvidas sobre o universo do Whey Protein

10 mandamentos para uma boa alimentação

Consultoria Thiago Martinez, educador físico; Ricardo Ferreira, ortopedista

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.