ESTILO DE VIDA

Ansiedade e depressão podem afetar a concentração

Ansiedade e depressão são transtornos mais comuns do que se pensa. E, se não tratados, podem afetar o foco. Veja as dicas para afastar esses males

None
mulher sentada cabeça baixa ansiedade

por Redação Alto Astral
Publicado em 12/09/2016 às 18:56
Atualizado às 20:57

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

A concentração pode ser afetada pelo estado emocional da pessoa. Antes de compreender como a ansiedade e a depressão podem prejudicar o foco, faz-se necessária a abordagem de o que são esses transtornos. “A ansiedade é um sintoma gerado pelo estado de vigília e que pode evoluir gradualmente para um quadro de estresse se for produzido continuamente durante um longo período de tempo. As características desse transtorno são a preocupação, o medo, a sensação de que algo ruim pode acontecer a qualquer momento, o preparo físico para uma situação de emergência, entre outras”, esclarece o head master coach Christyano Malta.

Caso não seja adequadamente tratada, a ansiedade pode evoluir para a depressão que, por sua vez, compreende sintomas como desânimo, esquecimento, insônia, tristeza sem causa aparente, indecisão, mudanças de peso e de apetite”.

Mulheres abaixo de 35 anos são mais propensas a transtornos de ansiedade, diz estudo

Para relaxar e melhorar o emocional

Confira algumas alternativas para afastar a ansiedade, a depressão e o estresse!

  • Massoterapia: uma massagem bem feita vai além de somente relaxar o cansaço do dia a dia: toques e pressões em regiões específicas ajudam corpo e mente a ficarem mais leves. Isso ocorre porque há aumento da circulação do sangue e relaxamento dos músculos, reduzindo as tensões. O sistema nervoso parassimpático também é ativado, liberando noradrenalina, que relaxa o corpo. No entanto, para garantir esses efeitos, são necessárias sessões regulares de massagem.
  • Faça atividades físicas: a prática de exercícios físicos estimula a produção de endorfina no organismo, responsável pela sensação de bem-estar. Essa substância ajuda a aliviar os sintomas da ansiedade e da depressão. Além disso, a noradrenalina e a serotonina são estabilizadas ao suar a camisa
  • Medite: muito praticada pelo povos orientais, a técnica milenar ajuda a equilibrar todo o organismo. Ficar alguns minutos em silêncio, na busca de “esvaziar” a mente, ajuda a afastar os pensamentos que explodem em uma crise de ansiedade. Além disso, a respiração e os batimentos cardíacos são regulados, o que traz bem-estar e serenidade.

Veja mais:

Cérebro saudável é igual a maior concentração

Novas técnicas para tratar ansiedade e depressão

Texto e entrevistas: Larissa Tomazini – Edição: Giovane Rocha/Colaborador

Consultorias: Christyano Malta, head master coach da Casa Coaching; Martin Portner e Vanessa Müller, neurologistas