7 dicas para escolher o melhor tipo de pão

Aprenda a diferenciar no rótulo dos produtos as informações que podem ajudá-la na dieta e entenda qual tipo de pão é o mais ideal para a sua saúde!

None
Foto: iStock.com/Getty Images

por Redação Alto Astral
Publicado em 15/08/2016 às 18:26
Atualizado às 14:41

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

1 – Fibras contra a fome

O tipo de pão feito com farinha refinada (branca) aumenta as taxas de glicose do sangue e exige uma maior produção de insulina, hormônio que encaminha esse açúcar para as células. O problema é que a taxa de glicose cai tão rápido como foi elevada, fazendo com que você sinta fome mesmo estando alimentada. Para driblar esse problema, invista nos pães integrais. Por serem elaborados com grãos não refinados, que são ricos em fibras, eles fazem com que a glicose seja absorvida lentamente. Com isso, você manterá a fome sob controle e não consumirá mais calorias do que necessita.”Uma boa opção é o pão feito com aveia. Ele possui uma fibra chamada betaglucana, que controla a taxa glicêmica”, sugere a nutricionista Patrícia Tomita Fan.

pães diversos

Foto: iStock.com/Getty Images

2 – Escolha o tipo de pão com menos sódio

Esse mineral serve como conservante dos alimentos. Entretanto, ele estimula o corpo a reter líquido e causa inchaço, principalmente na região da barriguinha. Por esse motivo, quanto menos sódio o produto tiver, melhor.

SAIBA MAIS

9 maneiras de acrescentar fibras à sua refeição!

7 dicas infalíveis para ajudar o corpo a eliminar calorias!

5 substâncias que não podem faltar na dieta!

3 – De olho nos carboidratos

Leve em conta a porção do alimento e a quantidade de carboidrato oferecida. Evite pães cuja porção é pequena, mas que oferecem uma grande quantidade de carboidratos. Isso porque eles provavelmente contêm muito açúcar na sua composição. “Por exemplo, uma porção média de carboitrados é 15g. O pão francês possui 30g”, explica a nutricionista.

4 – Calorias na medida

Excesso de açúcar e farinha refinada fazem com que o pão tenha muitas calorias. Nesse caso, a dica é optar pelo pão de fôrma integral, que costuma ter em média 70 calorias contra 300 calorias do pão francês. Mas se você for daquelas que não vivem sem um pãozinho de padaria, a dica é tirar o miolo ou consumir 1/2 unidade. Vale ainda lembrar que alguns pães integrais com tamanho maior também contêm uma alta quantidade de calorias. Nesse caso, a dica é não exagerar nas porções. Por fim, fique atenta se a quantidade de calorias impressa na embalagem realmente faz referência a 1 fatia do alimento.

5 – Mais grãos, mais saúde

Você já deve ter notado que há cada vez mais opções de pães com 7, 10 e até 15 grãos nos supermercados. Segundo a nutricionista, mais grãos podem significar o consumo de mais vitaminas e minerais para o corpo. “Quanto maior o número de grãos, maior será também a quantidade de fibras, que ajudam no bom funcionamento intestinal”, afirma.

6 – Vá de light!

Esse tipo de pão pode ser uma boa pedida! Produtos light são aqueles que possuem pelo menos 25% a menos de um ingrediente quando comparados à versão convencional. No caso dos pães light, há uma menor quantidade de açúcar, gordura e até sódio em relação à fórmula original. Para isso, fique atenta às informações impressas na embalagem.

7 – Cuidado com a validade

Você costuma checar a data de validade do pãozinho antes de comprá-lo? Pois saiba que esse hábito é superimportante, principalmente se o pão estiver em oferta. É comum os mercados abaixarem os preços dos alimentos que estão para vencer. Após aberto, o pão integral conservado em geladeira pode durar até 1 semana.

Texto: Leonardo Valle/Colaborador | Consultoria: Patrícia Tomita Fan, nutricionista de São Paulo (SP); Ângela Cardoso, nutricionista de Bauru (SP)

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.