Mensagem do Papa Francisco afirma que Virgem Maria trouxe alegria em seu ventre. Confira!

Virgem Maria carregava também esperança e salvação. A mensagem do Angelus do Papa Francisco lembra da visita de Maria à Isabel

Na imagem, o papa francisco está na missa de frente para a imagem da virgem com vários bispos de roxo olhando, entre os dois, há um terço enorme. Mensagem do Papa Francisco afirma que Virgem Maria trouxe alegria em seu ventre
(Foto: Reprodução/Copyright L’Osservatore Romano)

Em seu Angelus, o Papa Francisco relembrou um momento da Bíblia em que a Maria visitou sua prima Isabel. Foi desse momento que surgiu a oração de Maria. Na ocasião, Isabel estava grávida de João Batista, e a Virgem Maria trouxe alegria em seu ventre por estar esperando o Espírito Santo. Confira a mensagem do pontífice.

Por muito tempo, na casa de Isabel e Zacarias, reinou a tristeza por falta de crianças. A prima de Maria era estéril e, já com idade avançada, Zacarias recebeu a visita do anjo Gabriel anunciando a gravidez do casal. Ao fim da gestação, Maria foi à casa de Isabel já esperando Jesus. Sentindo grande felicidade, a Virgem entoou a canção que ficaria conhecida como Magnificat, em latim.

“É uma canção de louvor a Deus, que faz grandes coisas através da humilde, desconhecida para o mundo, como a própria Maria, como seu marido José, e, como é também o lugar onde vivem, Nazaré”, diz o papa. Segundo o santo padre, a humildade é como um vácuo que deixa espaço para Deus, e Ele faz grandes coisas para àqueles que são humildes. Assim, Francisco pede um momento de reflexão para os cristãos, que perguntem a seus corações: “Como está minha humildade?”

Na imagem, a imagem da virgem maria está de cabeça baixa de olhos fechados com muitas mantas. Virgem maria traz alegria.

(Foto: Reprodução/Pixabay)

E então, Isabel exclamou “Bendita és tu que acreditou”. A Virgem Maria trouxe alegria em seu ventre, e não apenas isso, levou consigo a esperança e fé para orar e louvar. “Maria é um modelo de virtude e fé. Quando você contempla hoje assunta ao Céu, a conclusão final de sua jornada terrena, nós te agradecemos porque sempre nos precede na peregrinação da vida e da fé – é o primeiro discípulo. E pedimos-lhe para cuidar de nós e nos apoiar; podemos ter uma fé forte, alegre e misericordioso; que nos ajude a ser santos, para se encontrar com ela um dia no paraíso”, finaliza o Papa Francisco.

LEIA TAMBÉM

Texto: Camila Ramos