Vença o efeito platô na dieta!

O ponteiro da balança estacionou de vez e não consegue emagrecer mais? Esse fenômeno chama-se efeito platô. Saiba como se livrar dele e continuar na dieta!

mulher segurando fita métrica
Foto: Glow Images/Latinstock

Chega um momento na dieta em que todos os esforços são em vão. Os quilos estacionam e nada de o ponteiro da balança mudar. É o chamado efeito platô! Segundo a nutricionista Fernanda Ferreira dos Santos, isso acontece quando a pessoa, apesar de fazer uma dieta de baixas calorias, para de emagrecer uma vez que o organismo se adapta à ingestão dos poucos alimentos e, com isso, passa a reduzir o metabolismo para poupar energia. Confira mais detalhes e livre-se desse problema!

mulher segurando fita métrica

Foto: Glow Images/Latinstock

Entenda seu corpo

De acordo com a nutricionista, esse efeito é mais comum em pessoas que seguem uma dieta hipocalórica, ou seja, quando há ingestão de menos calorias do que a pessoa precisa. Isso acontece porque o metabolismo diminui conforme a diminuição de ingestão calórica. Para evitar, algumas regrinhas são básicas durante este período. Praticar exercícios físicos, por exemplo, ajuda a desencadear essa perda, que é gradual, de acordo com a necessidade e a dieta de cada pessoa. Perder menos quilos que outra pessoa que está fazendo a mesma dieta não é motivo para desânimo! Lembre-se de que cada organismo age de uma forma.

SAIBA MAIS

É possível comer fora sem sair da dieta?

Acabe com a barriga estufada em apenas 5 passos!

Melancia ajuda na perda de peso!

Coma bem e evite o efeito platô!

O segredo é não fazer dietas tão restritivas por períodos prolongados. A nutricionista Fernanda dos Santos orienta sobre a importância de um cardápio balanceado e com a quantidade de calorias equilibradas. A restrição total de certos alimentos pode até dar um bom resultado de imediato, porém, a longo prazo, o efeito platô se torna o grande vilão. E como saber se a dieta estagnou? É muito fácil! Se nos últimos sete dias o ponteiro da balança estacionou, é melhor ficar de olho. Isso pode significar que o organismo já se acostumou com a dieta e, de fato, você irá perder menos peso.

Hormônios controlados!

Problemas hormonais também podem ser vilões na luta contra a balança. Quem sofre com hipotireoidismo, por exemplo, tende a ter baixo metabolismo e, portanto, tem mais dificuldade em emagrecer. A nutricionista orienta procurar um profissional e fazer o tratamento ideal contra a doença e não sofrer com o efeito platô.

Texto: Amanda Araújo/Colaboradora | Consultoria: Fernanda Ferreira dos Santos, nutricionista da Emagrecentro, www.emagrecentro.com.br Ilustrações: Glow Images/Latinstock e Shutterstock Images