UNCATEGORIZED

Sujeito e predicado: confira nossas dicas e aprenda rápido

Construir uma boa frase que passe a mensagem corretamente requer domínio dos termos da oração. Confira o básico sobre sujeito e predicado e aprenda rápido

None
(Foto: iStock.com/Getty Images)

por Redação Alto Astral
Publicado em 28/06/2017 às 10:30
Atualizado às 18:11

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Construir uma frase que fique fácil de entender e que tenha as ideias bem organizadas é importante para a comunicação em geral. Por mais que as aulas de gramática em que aprendíamos sobre a oração, o sujeito e o predicado parecessem complicadas, elas são essenciais para o entendimento do que se quer dizer. Tem dificuldades com esses termos? Então aprenda o básico sobre sujeito e predicado, ou os termos essenciais da oração.

Termos essenciais da oração

O sujeito e o predicado são os termos essenciais de uma oração, ou seja, é preciso que haja sujeito e predicado para que exista a oração. O sujeito é o elemento sobre o qual se enuncia algo, é quem está diretamente ligado ao verbo.
Exemplo: Bernardo é um lindo bebê. (Bernardo é o ser de quem se fala, ou seja, o verbo “ser” é diretamente ligado a ele).
João e Eduarda são irmãos. (Nesta frase o sujeito tem dois núcleos, “João” e “Eduarda”, núcleo é a palavra mais importante, a que dá sentido ao sujeito).

O sujeito é classificado em

  • Simples – quando possui um único núcleo.
    Exemplo: Lupe é um cachorro obediente. (Lupe = núcleo do sujeito).
  • Composto – quando possui mais de um núcleo.
    Exemplo: Paulo, Luiz e Júlio são irmãos que se amam muito. (Paulo, Luiz, Júlio = núcleos).
  • Sujeito determinado – quando é possível reconhecer o sujeito da oração mesmo quando ele está implícito. Nessa classificação podemos englobar também o sujeito simples e o composto.
    Exemplos: João e Maria estavam aqui. (sujeito determinado).
    Tínhamos muitas brincadeiras divertidas (sujeito determinado “nós” está implícito).
  • Sujeito indeterminado – quando não se pode ou não se quer identificar o sujeito. O sujeito será indeterminado quando o verbo estiver na 3ª pessoa do plural e não houver sujeito expresso na oração. Ou quando o verbo na terceira pessoa do singular vier seguido do índice de indeterminação do sujeito “se”.
    Exemplo: Entregaram flores para você. (verbo na 3ª pessoa do plural, sem sujeito expresso. Sujeito indeterminado).
    Ouve-se muitas coisas. (verbo na terceira pessoa do singular, seguido de “se”. Sujeito Indeterminado).
  • Sujeito inexistente ou oração sem sujeito – quando o fato não se refere a nenhum elemento. E pode ocorrer em várias situações diferentes.
    Exemplos: Choveu muito essa noite. (verbo que exprime fenômenos da natureza).
    Faz mais de um ano que não os vejo. (verbo fazer, ser, estar indicando tempo transcorrido).
    Há vários alunos ocupando o pátio fora do horário. (verbo haver no sentido de existir ou indicando tempo transcorrido).
    Dica: quando um verbo auxiliar se une a um verbo impessoal também fica no singular.
    Exemplo: Vai fazer uma semana que não saio.

Outro termo essencial da oração, o predicado é aquilo que se declara do sujeito. Ele também tem suas classificações.

  • Nominal – tem um nome como núcleo, indica estado ou qualidade e é formado por verbo de ligação+ predicativo do sujeito. Os principais verbos de ligação são: ser, estar, ficar, andar, virar, entre outras.
    Exemplos: Letícia é engraçada. (Letícia = sujeito, é = verbo de ligação, engraçada = predicativo do sujeito).
  • Verbal – tem como núcleo um verbo, não tem predicativo do sujeito e exprime uma ação. É constituído por verbo transitivo ou intransitivo.
    Exemplo: Vovó fez bolos para a festa. (verbo transitivo direto)
  • Verbo-nominal – tem dois núcleos, um verbo e um nome, pois apresenta um verbo (transitivo ou intransitivo) e um predicativo do sujeito ou do objeto. Assim, o predicado vai indicar ação e qualidade.
    Exemplo: Os alunos chegaram entusiasmados. (chegaram = verbo intransitivo, entusiasmados = predicativo do sujeito).

LEIA TAMBÉM