UNCATEGORIZED

Jardim vertical: a metragem reduzida não é desculpa para não investir na decoração do seu lar

As plantas são ótimas para levar mais vida e aconchego ao espaço. Mas se o seu cômodo é pequeno, uma dica é apostar no jardim vertical. Saiba como

None
Fotos: Adriana Barbosa

por Redação Alto Astral
Publicado em 31/07/2017 às 13:21
Atualizado às 15:38

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Para driblar a falta de espaço e levar mais charme a qualquer varanda, sem comprometer a circulação, uma boa ideia é apostar no jardim vertical, que acrescenta alguns centímetros aos cômodos e ainda traz para dentro de casa o frescor que só as plantas sabem dar!

Projeto 1: Adriana Fontana Design de Interiores, Pirituba – SP

Boa combinação

Para esta varanda de 2,1m² projetada para um jovem casal com duas filhas pequenas, a ideia era criar um espaço para receber visitas, mas que fosse integrado à sala de estar. “Por isso, tivemos o cuidado de usar no futon a mesma paleta de cores usada na sala, mas com uma madeira um pouco mais rústica que a do ambiente interno”, conta a designer de interiores Adriana Fontana.

Bonito e prático

Aqui, as plantas artificiais aparecem, provando que é possível reproduzir o efeito natural e ainda levar mais praticidade ao dia a dia. “Aplicamos um painel da mesma madeira do banco e, com o auxílio de ganchos, fixamos ramas de Hera artificiais”, explica a profissional.

Projeto 2: Adriana Fontana Design de Interiores, Barueri – SP

Detalhes que fazem a diferença

Esta varanda privativa de apenas 2,6m² fica na suíte de um jovem casal que queria utilizar o espaço para descansar e ler. “Como o cômodo é pequeno, tudo foi pensado para otimizá-lo: no lugar de uma cadeira convencional, optamos por um banco com floreira na parte posterior e um vão que permite guardar objetos de decoração ou livros e revistas”, detalha a profissional.

Revestimentos

Como o espaço em questão é uma varanda, a designer não pôde ousar muito na hora de levar mais comodidade ao local. “Já que as paredes fazem parte da fachada original, optamos por algo aconchegante, que agregasse textura ao ambiente, e aplicamos mosaico de mármore branco telado no piso”, explica Adriana.

Jardim vertical sempre em dia

Para facilitar a manutenção, Adriana optou por plantas artificiais nesta varanda. “Usamos bambu japonês, que tem a folhagem fina e delicada e se assemelha muito a plantas naturais, que também podem ser facilmente utilizadas apenas fazendo a impermeabilização interna da floreira”, conta a designer.

Texto: Mariana Siqueira/Colaboradora

LEIA TAMBÉM