Truques para acabar com o bad hair day, quando você acorda e o cabelo parece não ter jeito

Chega de andar por aí descabelada! Confira algumas dicas de especialista para acabar com o bad hair day e exibir madeixas incríveis o tempo todo

None
Foto: Shutterstock.com

por Redação Alto Astral
Publicado em 14/12/2017 às 13:59
Atualizado às 13:59

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

O bad hair day aparece quando o clima fica mais úmido, já que os fios absorvem a umidade resultando em mais frizz e menos brilho. Outra causa possível é dormir com as madeixas molhadas ou deixá-las secar presas em um rabo de cavalo, assim ficam marcadas e quebradiças.

Controle o bad hair day

Antes de dormir, quem tem cabelos lisos deve penteá-los com escovas de cerdas naturais. Se quiser prender as madeixas, prefira uma trança frouxa. Donas de cabelos cacheados ou crespos podem usar cremes de tratamento noturno, que vão ajudar a manter os fios controlados ao amanhecer. Além disso, não descuide da hidratação: semanalmente em casa e a cada 15 dias no salão.

S.O.S.

Outra sugestão é usar o xampu seco. Esse produto não substitui a lavagem, porém é usado em casos de emergência para absorver a oleosidade e recuperar o volume e o alinhamento dos fios. A aplicação deve ser feita na região próxima à raiz. Mas cuidado para não exagerar no uso, pois esse produto pode ressecar as madeixas. Uma alternativa para os cacheados são os produtos umidificadores, que recuperam as curvas dos cachos. Na pressa, um pouco de hidratante com água pode ser borrifado também.

Prenda, já!

Não é porque os seus cabelos acordaram rebeldes que você precisa perder o glamour. Se tiver alguns minutinhos, invista em penteados curinga, que disfarçam bem o efeito juba e, de quebra, deixam qualquer mulher linda. Vá de rabo de cavalo, trança lateral ou coque baixo desestruturado. Prender a franja com grampos também é uma alternativa, assim como lançar mão de outros acessórios como presilhas, lenços e faixas, transformando o problema em solução.

Texto: Redação Alto Astral

LEIA TAMBÉM

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.