Massas e recheios: truques para tortas de dar água na boca!

Fresca, crocante, doce ou salgada! Tortas são uma delícia e existem muitos jeitos de fazer e rechear. Por isso, separamos dicas e truques para você arrasar!

torta em um refratário vermelho.
Foto: iStock

Qual é a sua torta preferida? Que pergunta mais difícil, não é mesmo? Seja de liquidificador, de batedeira, de biscoito ou com massa podre, tortas salgadas ou doces são perfeitas para qualquer hora do dia! Aqui, você vai ver as diferenças entre as massas e com qual tipo de recheio elas combinam melhor.

torta em um refratário vermelho.

Foto: iStock.com/Getty Images

Massa podre: desmancha na boca!

A massa podre é feita com bastante manteiga e, por isso, fica “esfarelando”. Para prepará-la, escolha uma manteiga de boa qualidade, para não ficar com sabor acentuado na massa. Ela é usada em receitas salgadas de empadinhas e empadões assados, combina bem com frango desfiado, carne-seca, palmito com tomate-seco… Na hora de distribuir a massa na fôrma, amasse bem com as mãos para que ela fique uniforme e não desmonte na hora de desenformar.

Tortas de liquidificador: eterno aliado!

É uma massa mais líquida e homogênea, que fica bem fofinha depois de pronta. Você pode misturar a ela recheios variados (geralmente salgados, como atum, carne moída, presunto e queijo), colocar a massa na fôrma com o recheio por cima ou dividir a massa em duas partes, colocar uma camada na fôrma, espalhar o recheio desejado e cobrir com a massa restante. É uma das mais práticas: é só colocar tudo no liquidificador e bater! Não se esqueça de colocar primeiro os ingredientes líquidos no copo do eletrodoméstico, depois os sólidos, para a massa bater com facilidade e ficar lisinha.

SAIBA MAIS

Torta fria no potinho

Minitorta de frango

Minitorta holandesa

Tortas de batedeira: massa fofinha!

A grande vantagem das tortas feitas com a batedeira é que você pode separar as claras dos ovos e batê-las em neve. Antes de rechear, misture as claras e o fermento delicadamente com uma colher. A massa vai ficar aerada e leve. Os recheios podem ser os mesmos indicados para as massas de liquidificador.

Tortas com biscoito são mais crocantes!

Este tipo de torta pode ser feito com biscoito doce (Maria, maisena, recheado) ou salgado (água e sal ou cream cracker). Ele é triturado, misturado à manteiga ou margarina e fica com textura de farofa. Se você achar que a massa não está firme o suficiente, acrescente 1 clara de ovo. Depois de assada, ela fica crocante e você pode rechear com cremes à base de requeijão, creme de leite, chocolate, frutas… Para ficar mais bonita, faça essa torta em fôrma de aro removível, pois ela desenforma perfeitamente!

Torta de massa folhada: um toque de requinte!

Pode ser comprada pronta para ficar mais prática ou feita em casa com margarina própria para folhar. Tem este nome porque possui várias camadas, como se fossem “folhas”, que a deixam bem crocante e saborosa. Pode ser feita com ingredientes doces ou salgados no recheio. Além de tortas, você também pode preparar croissant, mil-folhas e outras delícias para a hora do seu lanche!

Como congelar?

As tortas podem ser congeladas para você ter mais praticidade na cozinha ou até vender essas gostosuras! Prepare-a normalmente e leve ao forno médio, preaquecido, até ficar firme, mas sem deixar dourar. Espere esfriar, cubra com filme plástico e leve ao congelador por até 2 meses. Na hora de servir, deixe descongelar na geladeira e leve ao forno novamente até dourar. Para facilitar a identificação, coloque etiquetas com o sabor das tortas antes de congelar.

Texto: Carolina Brito