5 tipos de farinhas para substituir a de trigo e ganhar saúde

Existem diversos tipos de farinhas funcionais que podem substituir a versão mais conhecida: a de trigo. Assim, a saúde só tem a ganhar! Vem saber mais!

A lista dos tipos de farinhas disponíveis para consumo é extensa, apresentando benefícios variados ao organismo.
Por Larissa Mortari - 27/06/2017

A lista dos tipos de farinhas disponíveis para consumo é extensa, apresentando benefícios variados ao organismo. FOTO Reprodução

As farinhas de legumes, grãos e frutas têm ganhado cada vez mais espaço nas prateleiras dos supermercados. O motivo? Elas trazem consigo as mesmas propriedades dos alimentos que já conhecemos, mas com um toque a mais: versatilidade. Seja no iogurte, polvilhadas sobre frutas ou até mesmo em substituição à farinha de trigo em algumas receitas, como panquecas e bolos, é possível potencializar a saúde e, de quebra, afinar a silhueta com a ajuda de alguns tipos de farinhas funcionais!

 

 

Por que optar por outros tipos de farinhas?

Quem sofre com a doença celíaca tende a conviver com diversos sintomas incômodos quando ingere algum alimento que contém glúten, como náuseas, dores abdominais, cólicas intestinais, entre outros. “Estima-se que 1% da população mundial tenha doença celíaca – causada por uma reação alérgica grave ao glúten de trigo -, mas, no Brasil, ela não é muito comum. Já no Reino Unido há muitos casos”, explica a médica ortomolecular Luciana Granja. Por isso, retirar a farinha de trigo do cardápio pode não ser uma questão de escolha. Os portadores da doença celíaca, assim como os intolerantes ao glúten, precisam eliminar o alimento do dia a dia em busca de bem-estar, ou seja, os diversos tipos de farinhas funcionais tornam-se aliadas da saúde.

 

Consultoria Eliane Petean Arena, Giovana Morbi, Greice Caroline Baggio, nutricionistas; Luciana Granja, médica ortomolecular

 

LEIA TAMBÉM: