Terapias alternativas: confira algumas dicas para a sua saúde!

As terapias alternativas são outras opções para o tratamento de doenças, caso os meio convencionais já não deem resultados esperados. Confira mais sobre!

reflexologia
Foto Istock.com/getty images

Muitas vezes a solução para muitas doenças e sintomas pode vir das terapias alternativas. Cansou do tratamento convencional ou eles já não estão mais dando resultados? Procure o seu médico ou o especialista no seu problema e converse sobre unir um tratamento alternativo ao que você já está fazendo. É bom lembrar, por exemplo, que uma meditação não substitui um remédio que você precisa tomar, ela apenas auxilia e complementa, minimizando os sintomas da doença. Não faça nada sem passar por um médico.

 

acupuntura

Foto: Istock.com/Getty Images

 

Acupuntura

É uma das terapias alternativas mais recomendas. Esse tratamento é bom para quem sofre de sinusite, rinite, constipação, amigdalite, doenças pulmonares, miopia, cataratas, soluços, diarreia, enxaqueca, paralisia facial, dores ciáticas, lombalgias, artrite reumatoide, fibromialgia, depressão, insônia, labirintite, distúrbios menstruais, infertilidade, rugas, entre outras doenças e sintomas.

Homeopatia

Prevê o equilíbrio geral (holístico) do indivíduo como um todo. É indicado para quem sofre com dores de cabeça, insônia, alergias, inflamações respiratórias, gastrite, dermatite, disfunção hormonal feminina, ansiedade, depressão e em crianças com hiperatividade ou défice de atenção.

 

fitoterapia

Foto istock.com/getty images

 

Fitoterapia

Recomendo para doenças respiratórias, (asma, bronquite crônica e alergias), doenças reumatológicas (osteoartrose), problemas digestivos (azia), enfermidades ginecológicas (infertilidade, menopausa, dismenorreia), osteoporose, ansiedade, depressão, obesidade, tabagismo, colesterol alto e pressão alta.

 

reflexologia

Foto: Istock.com/Getty Images

 

Reflexologia

Esse tratamento busca estimular áreas reflexivas, por exemplo, estimula alguma alguma região do pé, para aliviar alguma dor no corpo, gerando assim, equilíbrio entre todas as partes. É recomendado  para relaxar e acabar com as tensões do corpo. Além disso, esse método combate a insônia, enxaqueca severa, prisão de ventre e distúrbios alimentares como a anorexia e bulimia. É de grande utilidade contra a gastrite, algumas patologias cardiorrespiratórias, problemas sexuais, como a frigidez e também impotência.

 

Leia também: 

 

Shiatsu

Nessa técnica são feitas pressões em determinadas áreas do corpo, pelos polegares, palmas das mãos, cotovelos e pés, buscando o equilíbrio do fluxo de energia vital em quem recebe o tratamento. A dica é para quem sofre com problemas na coluna e no sistema nervoso, deficiência funcional dos órgãos, circulação sanguínea e dores sem causa aparente. Além disso, diminui os sintomas típicos de doenças como a depressão, fadiga crônica, fibromialgia, diabetes, Parkinson e Alzheimer, oferecendo mais qualidade de vida.