Sorvete: esse queridinho do verão possui prós e contras. Confira!

O sorvete é uma das sobremesas favoritas no verão. Ele possui alguns prós e contras em relação à saúde. Confira mais sobre!

variedade de sorvetes
Foto Istock.com/getty images

O sorvete, muito apreciado no calor, possui vários sabores e um papel diversificado no cardápio. Pode ser um alimento rico nutricionalmente, mas com uma densidade calórica muito acentuada. Por isso, veja alguns benefícios e malefícios que ele pode trazer para a sua saúde!

 

variedade de sorvetes

Foto Istock.com/getty images

 

Prós:

  • O sorvete é uma boa fonte de cálcio para a manutenção de ossos, dentes fortes e saudáveis (1 bola de sorvete poderá conter 60mg de cálcio);
  • No caso dos intolerantes à lactose alguns tipos de alimentos lácteos podem ser mais bem tolerados do que outros devido ao menor teor de lactose e o sorvete é um exemplo;
  • É uma excelente alternativa para determinadas situações patológicas, tais como: pós-operatório, em que a ingestão de alimentos mais sólidos esteja comprometida, ou desnutrição e também para idosos e crianças, devido à sua riqueza de proteínas;
  • Apresenta riboflavina (vitamina B2) que participa em muitas reações metabólicas dos carboidratos, gorduras e proteínas e na produção de energia através da cadeia respiratória;
  • Sorvete de fruta, que têm muito menos açúcar e nenhuma gordura (light ou diet), é a escolha ideal para uma sobremesa doce e refrescante.

 

sorvetes

Foto Istock.com/Getty images

 

Contras:

  • É rico em calorias (gorduras e açúcar), ou seja, em excesso podem engordar e causar a carência de nutrientes, como sais minerais e fibras;
  • Os sorvetes  industrializados são geralmente classificados como sorvetes comuns e utilizam matérias-primas baratas;
  • 1 colher de 100g de sorvete de baunilha tem, em média, 177kcal, 8,65g de gordura total e 6,1g de gordura saturada (responsável por doenças cardiovasculares);
  • 100g de sorvete à base de leite fornece em média 198kcal, 12,3g de sacarose e 5,2g de lactose, não sendo aconselhado a diabéticos, obesos e intolerantes à lactose.

 

Leia também: