Abacate: vilão ou mocinho?

Ao olhar para o abacate, é difícil imaginar que, por trás de sua aparência nem tanto apetitosa, se escondem importantes vitaminas e minerais para a manutenção da saúde, além, é claro, de um sabor inconfundível. “Algumas pesquisas estudam o poder do abacate na inibição do crescimento de células cancerígenas, auxiliando na prevenção do câncer. Outras, porém, mostram que existem componentes funcionais que auxiliam na diminuição dos sintomas de osteoartrite, na redução do colesterol ruim (LDL) e aumento do bom (HDL), prevenindo doenças cardiovasculares”, esclarece a nutricionista Elizabete Elvira De Paola, da Vital Nutri.

abacate-beneficios-gordura

FOTO: Shutterstock

As qualidades de mocinho

O abacate sempre foi temido por sua grande quantidade de gordura. Porém, o que muitas pessoas não sabem é que essa é uma “gordura do bem”. É o tipo de gordura chamada monoinsaturada, que aumenta os níveis de colesterol bom (HDL), aquele que retira o acúmulo de gordura das arté- rias, e reduz o colesterol total. Já um outro fitonutriente, uma substância natural da planta que funciona como nutriente e ajuda a prevenir doenças, chamado de beta sitosterol, também auxilia na redução dos níveis de colesterol total.

Vilão? Só contra o câncer!

Por apresentar boa quantidade de vitaminas C e E em sua composição, ambas com poder antioxidante, que barra a ação dos radicais livres responsáveis por desencadear o envelhecimento e destruição das células, o abacate evita o desenvolvimento de inúmeras doenças, entre elas o câncer, que se origina a partir de uma mutação nas células. As vitaminas do complexo B, também presentes na fruta, reforçam a função antioxidante do abacate, já que promovem o desenvolvimento saudável das novas células e tecidos. Pesquisas recentes apontam ainda que o abacate é importante fonte de glutatoína, também um fitonutriente com ação antioxidante. Ela barra a ação nociva dos radicais livres e pode impedir o desenvolvimento de cânceres de boca e garganta, entre outros.

Cuida do com as calorias!

A palavra de ordem na hora de consumir o abacate é moderação, uma vez que a grande quantidade de calorias estimula o ganho de peso. “Para obter todos os benefícios do abacate, a ingestão indicada é de 1/2 unidade pequena, em dias alternados da semana”, afirma a nutricionista Elizabete De Paola.

 

Texto: Redação Alto Astral

Consultoria: Elizabete Elvira De Paola, nutricionista

 

LEIA TAMBÉM: