Sal: segundo pesquisa, consumi-lo menos aumenta a expectativa de vida

Segundo estudo recente, se as pessoas diminuíssem a quantidade de sal as chances de morrerem cairia muito. Veja mais sobre essa pesquisa e substitua o sal!

sal
Foto: IStock/Getty Images.com

Não pode faltar sal na sua comida ou naquela pipoquinha? Então fique atento, porque segundo uma pesquisa publicada na revista médica britânica The British Medical Journal, diminuir 10% do consumo de sal pode salvar vidas, já que ele aumenta os riscos de hipertensão e de doenças cardiovasculares. Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), a maioria das pessoas consomem mais do que o recomendado: 2 gramas de sal por dia, no máximo. A maior quantidade de sal está nos alimentos industrializados. A seguir, saiba mais sobre o assunto e previna-se!

 

sal

Foto: IStock/Getty Images.com

 

Apesar de poucos países até agora terem adotado políticas públicas para tentar diminuir o consumo de sal, pesquisadores, atuando conjuntamente com a indústria alimentícia, avaliaram o impacto de estratégias públicas de prevenção em 183 países. E concluíram que investir o equivalente a apenas 10 centavos de dólar por pessoa (cerca de R$ 0,32), contribuiria grandemente para frear a mortalidade. Segundo o estudo, uma alimentação menos salgada durante um período 10 anos evitaria uma perda anual equivalente a 5,8 milhões de anos de boa saúde. O custo dos anos ganhos seria equivalente ao que se gasta atualmente em remédios para tratamento de doenças cardiovasculares, apontam os pesquisadores.

Como evitar?

Quem já está com hipertensão, precisa rever a alimentação imediatamente, seguindo as recomendações médicas, que certamente incluirão redução no consumo de sódio. Pode parecer simples, mas adotar novos hábitos alimentares não é fácil. É preciso reeducar um dos sentidos mais individuais do ser humano: o paladar.

Reduza

Diminua a quantidade de sal usada para elaborar pratos. Exemplo: se costuma colocar uma colher (café) de sal no arroz, passe a usar 2/3 por algum tempo e depois 1/2 colher, até conseguir consumi-lo com uma quantidade mínima.

 

Alho, dentes de alho, rodelas de alho

Foto Shutterstock.com

Utilize ervas e temperos à vontade

Como alho com cebola, ervas finas, manjericão, salsinha, cebolinha, vinagrete, limão, hortelã, coentro, orégano, pimenta-do-reino, sálvia, alecrim, gengibre, etc. Isso ajuda a compensar a perda de sabor em função da redução do sal. O paladar é adaptável à quantidade de sal, por isso, ao diminuir seu uso no preparo da comida, retire o saleiro da mesa; em pouco tempo você perceberá que o que antes era normal, logo se tornará salgado. 

 

Leia também: