Pressão alta: consumir alimentos integrais reduz o risco em 20%!

Incluir alimentos integrais no cardápio é uma dica para quem quer beneficiar o organismo com a prevenção da pressão alta, protegendo o coração!

coracao pressao alta
FOTO: Shutterstock

Incluir alimentos integrais no cardápio é uma dica para quem quer ganhar mais saúde, reduzir a pressão alta e beneficiar o organismo com o equilíbrio de vitaminas, minerais e, principalmente, fibras. “Os alimentos integrais são ricos em minerais como potássio, cobre, selênio, magnésio, zinco e fósforo, que participam de vários processos metabólicos e regulam as funções do corpo, participando do crescimento e desenvolvimento, da formação dos ossos e dos dentes, do sistema imunológico e da absorção de outros nutrientes”, explica a nutricionista Greice Caroline Baggio.

alimentos-integrais-protegem-coracao-pressao-alta

FOTO: Shutterstock

Pressão alta sob controle

Uma pesquisa da Universidade de Medicina Northwestern, nos Estados Unidos, indica que consumir uma porção de cereais integrais todas as manhãs pode diminuir em 20% os riscos de hipertensão entre homens. Os pesquisadores analisaram dados de mais de 13 mil homens com pressão arterial normal e idade média de 52 anos. O estudo durou 17 anos e mais da metade dos participantes desenvolveu hipertensão – o grupo que consumiu cereais diariamente apresentou risco 20% menor de desenvolver a doença. O efeito benéfico se deve às fibras e aos minerais, como cálcio e potássio, nutrientes que ajudam a regular a pressão arterial, mas também aos acompanhamentos de consumo dos cereais, como leite e frutas.

paes-integrais-saude-pressao

FOTO: Istock.com/GettyImages

Quanto consumir?

Procure trocar todos os alimentos refinados pelos integrais. A quantidade de cada um varia de acordo com as necessidades individuais. Em média, 1 colher (servir) de arroz e 2 fatias de pão integral por dia bastam. Massas, bolos, biscoitos e pães também têm a versão integral.

 

 

Consultoria Greice Caroline Baggio, nutricionista

 

 

LEIA TAMBÉM:

Consumir sal quando cai a pressão pode ser perigoso

Hipertensão na gravidez

Estresse demais é uma das principais causas de infarto