Paula Von Sperling, campeã do BBB19, depõe na delegacia

A mineira está sendo investigada por intolerância religiosa. Entenda o caso!

Paula Von Sperling, campeã do BBB19, depõe na delegacia
Por Vitória Pereira - 16/04/2019

Foto: Jessica Mello/Gshow

Paula Von Sperling, a campeã do BBB19 , depôs na Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (Decradi) nesta segunda-feira (15). A mineira está sendo processada por intolerância religiosa devido aos comentários feitos por ela durante o programa.

De acordo com o UOL, o depoimento de Paula durou cerca de 2 horas e ela deixou o local com o rosto coberto.

“Farei o relatório conclusivo, encaminho à Justiça e o Ministério Público vai avaliar se denuncia ou arquiva. Eu fiz umas perguntas, ela respondeu. Ela está tomando a consciência de tudo que está acontecendo, procurando entender”, comentou o delegado Gilbert Stivanello.

A campeã do BBB19 faturou o prêmio de R$1,5 milhão – Foto: Gabriel Alberto/Gshow

 

ENTENDA O CASO

A ganhadora do reality descobriu que estava sendo processada por intolerância religiosa em decorrência dos comentários feitos contra a religião de Rodrigo e Gabriela. “Eu não tenho noção do que está acontecendo aqui fora. Não sei bem o que fiz e falei. Só tenho noção de que falo coisas desnecessárias 24 horas por dia. Vou me retratar com todo mundo. Fui eu mesma e não medi as palavras. Mesmo sendo processada, ganhei R$ 1,5 milhão e vou encarar tudo que tiver por vir”, comentou Paula ao saber do processo.

“Eu tenho muito medo do Rodrigo. Ele fala o tempo todo desse negócio de Oxum deles lá, que ele conhece. Eu tenho medo disso, mas nosso Deus é maior”, declarou a mineira quando estava no programa.

PAULA DESISTE DE ENCONTRAR EX-PARTICIPANTES DO REALITY

A estudante de direito desistiu de encontrar os ex-participantes do reality devido as ameaças que estaria recebendo desde que saiu da casa. A loira havia combinado de se encontrar com o grupo ‘camarote’ no show do Thiaguinho que ocorreu neste domingo (14). “A Paula não irá ao encontro do Camarote, por conta da quantidade de pessoas e as ameaças que ela anda recebendo“, afirmou a equipe da mineira pelo Twitter.

LEIA TAMBÉM: