Oração de Santa Isabel para proteção e redenção dos pecados

Conheça a história da divina que largou a sua vida de luxo para viver na pobreza voluntária ajudando pobres e doentes

oração de Santa Isabel
Foto: Shutterstock

Não há data mais especial para realizar uma oração de Santa Isabel do que 4 de julho, data na qual é celebrado os milagres feitos pela divina em vida e dia de sua morte. Entre as suas faces, é conhecida por ser padroeira de Coimbra, cidade onde faleceu, sendo denominada como protetora dos pobres e mensageira da paz nos lares.

Também tem uma forte relação com a profissão do padeiro, já que tinha o hábito de distribuir pães, envoltos num avental que trazia junto ao corpo, e moedas aos pobres, sem o consentimento do Rei.

História da Santa Isabel

Isabel nasceu na Espanha, em fevereiro de 1271. Era filha de Pedro II, rei de Aragão, que, na época, ainda era um jovem príncipe. Sem qualquer preocupação com a filha e a educação dela, o monarca incumbiu o seu avô, Tiago I, de criá-la. Por ser um homem de muita fé, a jovem moça cresceu seguindo os passos do cristianismo.

Ao completar doze anos, Isabel casou-se com dom Dinis, rapaz nobre escolhido por seu pai como herdeiro do trono de Portugal. Sempre manteve uma ligação profunda com a fé, sendo bondosa e ajudando aos necessitados. Além de ser muito inteligente e culta para as pessoas da época.

Ela foi mãe duas vezes: de Constância, que seria rainha de Castela, e Afonso, herdeiro do trono de Portugal. Mesmo com todas as histórias de traições envolvendo seu marido, Isabel nunca o deixou, sendo humilde e seguindo o matrimônio em Cristo. Chegou até a criar os filhos extraconjugais gerados por Dinis.

Durante sua vida, sofreu diversas vezes com problemas pessoais e familiares. Sua filha e genro morreram cedo, tendo que cuidar de seu neto sozinha. Já com Afonso, teve que enfrentar a personalidade rancorosa e raivosa.

Também teve forte presença nas disputas internas das cortes de Portugal e Espanha, nos séculos XIII e XIV. Foi a principal voz entre os poderes para que houvessem acordos justos, de forma pacífica. Ao mesmo tempo, ocupava-se em melhorar o sofrimento do povo pobre e as dores dos enfermos, com a caridade da sua esmola e sua piedade cristã.

Nessa época, vários relatos de milagres criaram a lenda de sua santidade. Um dos maiores exemplos é o episódio das rosas, no qual a Isabel levava pães para dar aos mais necessitados quando foi surpreendida e questionada sobre o que estava a fazer pelo marido, que não era tão piedoso. Esta respondeu que eram rosas. Desconfiado, pediu para ver, já que não era época das flores. Ao mostrar o que tinha no vestido surgiram rosas em vez de pães.

Dom Diniz, que a tanto fez sofrer, acabou por adoecer. Isabel, então, ficou ao lado dele, ajudando até o falecimento do monarca em 1335. Então, a divina deixou a sua vida de luxurias no palácio como rainha e recebeu o hábito como franciscana. Passou o resto de seus dias em pobreza voluntária, fazendo orações e atendendo aos pobres e doentes.

A divina morreu, em Estremoz, no dia 4 de julho de 1336. Desde então, a data vem sendo celebrada em seu nome, quando diversos fiéis rezam uma oração de Santa Isabel.

Oração de Santa Isabel para realizar um pedido

“Altíssimo e Soberano Senhor Nosso, que quisestes dar-nos exemplos nos vossos servos, não somente nos claustros e desertos, onde santificastes tantas almas, mas também nos tronos dos reis, e no meio da grandeza e magnificência dos palácios colocastes a virtude, para nos desenganardes de que em todos os estados pode haver o espírito de cristianismo e a salvação. Sois Vós quem, na Rainha Santa Isabel, nos destes o exemplo de uma ânimo pacificador, humilde, generoso e caritativo, virtudes tão dificultosas nos meio das grandezas humanas, pelo que sejais, para sempre bendito e louvado. Nos vos pedimos, Senhor, por intercessão desta Santa Rainha, que tão grande foi no mundo e que não é menor no Céu, as graças que tanto precisamos (pedido) em modo particular a paz nos nossos corações e nos nossos lares. Oh! Deus, que sois tão admirável nos vossos santos, compadecei-vos de nossas misérias e deixa-vos mover das preces de Vossa Serva: excite-se a nossa sonolência, anime-se a nossa franqueza: recebamos todos novo ânimo na devoção desta grande Serva vossa, reformem-se nossos costumes, e preparem-se assim para nós os caminhos da eterna felicidade. Assim seja. Santa Isabel rogai por nós. Amém!”.

Oração para pedir proteção

“Ó querida Santa Isabel, sob a vossa proteção queremos nos colocar. Vossa espiritualidade nos inspira ainda hoje no seguimento de Jesus. Ensinai-nos a acolher com carinho os pobres, os doentes, os abandonados, manifestando a eles o imenso amor do Pai. Estimulai-nos para que tenhamos coragem de estar ao lado deles, defendendo as suas lutas e assumindo as suas dores. Assim como vós, queremos construir a paz, partilhar o pão da justiça e distribuir rosas de alegria aos nossos irmãos. Intercedei por nós para que também possamos, um dia, gozar das alegrias celestes na presença de Deus. Amém!”

Leia também: