Facebook lança ferramenta que deve prevenir o vazamento de fotos íntimas

O Facebook anunciou o lançamento de novas ferramentas em seu site para evitar o vazamento de fotos íntimas, conhecidas como revenge porn. Entenda

None
Foto: shutterstock.com

por Redação Alto Astral
Publicado em 05/04/2017 às 16:05
Atualizado às 15:08

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Na tarde de quarta (05.04), o Facebook anunciou a criação de novas ferramentas que prometem ajudar os usuários a evitar que fotos íntimas sejam compartilhadas sem permissão nas redes sociais. Também conhecido como revenge porn ou pornografia de vingança, o crime é classificado quando fotos ou vídeos íntimos são divulgados ou compartilhados pela internet, geralmente pelo companheiro ou ex-companheiro, sem autorização da pessoa que está sendo exposta, de acordo com Danielle Mariel Heil, do site Empório do Direito.

mulher digitando notebook mouse rede social facebook

FOTO: Shutterstock.com

Em nota à imprensa, o Facebook anunciou que foi realizado um estudo nos Estados Unidos em conjunto com vítimas desse tipo de crime. Segundo eles, 93% das pessoas afetadas por esse compartilhamento relataram angústia emocional, e 82% afirmaram sofrer prejuízos em aspectos sociais, profissionais e outras importantes áreas de sua vida.

“Estas ferramentas, desenvolvidas em parceria com especialistas em segurança, são exemplos do potencial que a tecnologia tem em ajudar a manter as pessoas seguras”, avisou o site em nota da assessoria. Por conta disso, a rede social criou ferramentas que podem ajudar as pessoas que sofrerem esse tipo de crime:

  • Se você se deparar com imagens que podem ter sido compartilhadas sem autorização, elas poderão ser denunciadas clicando em uma seta no canto superior direito de todos os conteúdos publicados.
  • Depois da denúncia, a Operação de Comunidade do site vai revisar os conteúdos e removê-los se violarem os Padrões de Comunidade. As contas que compartilharam as imagens também poderão ser suspensas.
  • Usando uma tecnologia batizada de “photo-matching”, o Facebook vai tentar “frustrar” as tentativas de compartilhar essas imagens no Facebook, Messenger e Instagram. Se a pessoa tentar compartilhar a foto depois que ela for denunciada e removida, ela será alertada e impedida de realizar o compartilhamento.

mao-digitando-tablet-aplicativo-facebook

O Facebook também anunciou a criação de uma parceria com organizações de segurança que vão oferecer apoio às pessoas que forem vítimas desse crime. “Trabalhamos com a Cyber Civil Rights Initiative e outras empresas, nos Estados Unidos, para criar um destino único onde vítimas e outras pessoas possam relatar esse tipo de conteúdo para as principais empresas de tecnologia. Além disso, a rede “National Network to End Domestic Violence”, o centro de pesquisa “Center for Social Research”, a instituição de apoio “Revenge Porn Helpline” do Reino Unido e a iniciativa social “Cyber Civil Rights Initiative” forneceram informações e feedbacks durante todo o processo de desenvolvimento do produto”, anunciaram.

mao-digitando-celular-smartphone-aplicativo-rede-social-facebook

O que é a pornografia de vingança?

Conhecido como revenge porn, é considerado o ato de divulgar ou publicar imagens íntimas ou contendo nudez, de forma não consentida pela vítima. Atualmente, o projeto de lei que torna crime o vazamento e compartilhamento de imagens íntimas foi sancionado pela Câmara dos Deputados e aguarda análise do Senado e também do presidente. Quando esse tipo de situação acontece, pode ser configurado como crime de injúria e difamação. Se aprovado na legislação, passará a ser um crime específico.

LEIA TAMBÉM