Inspire-se na história de São José de Anchieta e receba graças!

São José de Anchieta é um missionário que testemunhou a força da verdade e do amor do Senhor. Enfrentando diversos problemas da época, ele foi um dos responsáveis por disseminar o cristianismo no país. Conheça melhor sua história e ore para pedir graças!

None
Ilustração: Eugênio Tonon/Colaborador

por Redação Alto Astral
Publicado em 23/02/2018 às 13:35
Atualizado às 11:50

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Apesar de termos o amor por Deus sempre em nossos corações e confiarmos em suas vontades, os problemas do dia a dia podem nos desanimar, fazendo com que deixemos nossa fé de lado. Mas, você deve lembrar-se sempre de que Nosso Senhor nunca nos abandona e tem o melhor pra nós. São José de Anchieta é um exemplo de missionário que lutou contra todos os problemas para ensinar o Evangelho, testemunhando a força da verdade e do amor ao Senhor.

História

Nascido nas Ilhas Canárias, Padre José de Anchieta veio ao Brasil em 1553, aos 19 anos, como membro da Companhia de Jesus e teve grande participação na construção do nosso país: participou da missão de fundação do Colégio de São Paulo e ajudou a criar a primeira gramática tupi. Além disso, ele foi um dos responsáveis por disseminar o catolicismo no Brasil, liderando a catequização de índios pela Ordem dos Jesuítas. Morreu aos 63 anos em 9 de junho de 1597, data que comemora-se o seu dia.

Canonização

Para ser reconhecido como santo é necessário ter, no mínimo, dois milagres comprovados. Porém, devido a época em que José de Anchieta viveu, a falta de exames médicos e de outras provas de que seus milagres tivessem realmente acontecido foram um dos empecilhos para que a Igreja Católica os reconhecessem. Seu processo de canonização começou no ano de sua morte, mas só em 2008, ele foi beatificado pelo Papa João Paulo II. E, em 2013, após um pedido do cardeal Dom Raymundo Damasceno Assis, presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Padre José de Anchieta foi canonizado em 3 de abril de 2014 pelo Papa Francisco, através de um decreto, que dispensou a comprovação dos milagres.

Orações a São José de Anchieta

LEIA TAMBÉM!

Edição: Jéssica Pirazza e Júlia Martins/Colaboradoras – Design: Aline Barudi

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.