O poder dos 10 mandamentos: a força da palavra de Deus

Os 10 mandamentos são as leis de Deus ao povo para o caminho de uma vida liberta da escravidão do pecado. Leia e receba as graças do Todo-Poderoso!

None
Foto: iStock

por Redação Alto Astral
Publicado em 20/01/2017 às 12:12
Atualizado às 11:54

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Muitos são os ensinamentos do Pai para que os homens vivam em paz e em harmonia. Por isso, seguir seus dez mandamentos é acreditar no poder transformador do seu amor bondoso, que torna dor em alegria, opressão em igualdade e morte em vida eterna. Com o poder dos 10 mandamentos você vai fortalecer sua crença no altíssimo, vai refletir sobre as santas palavras de Deus e se sentir inspirado em praticar o bem.

Placa 10 mandamentos

Foto: iStock

Sinta o poder dos 10 mandamentos e receba graças em sua vida

Após sair do Egito com o povo de Israel em busca da terra prometida, Moíses chegava ao Monte Sinai. Então, após três dias de convivência conturbada entre seu povo, receberia a missão do Todo-Poderoso: espalhar as palavras e os ensinamentos do decálogo, ou seja, dos 10 mandamentos.

Na época de Moisés, os mandamentos ajudaram o profeta a guiar os israelitas na jornada em busca da terra prometida. Com os ensinamentos religiosos, o povo tornou-se mais consciente de suas atitudes e, assim, a vida em comunidade transformou-se positivamente.

Hoje em dia,  os 10 mandamentos são ensinados aos católicos na busca de torná-los seres mais amáveis e conscientes para viver em comunidade e seres melhores em si, para que, assim, sejam merecedores da vida eterna.

Desse modo, é possível observar nos dez mandamentos do Senhor as duas esferas da vida: a primeira onde cada ser é único e, por isso, relaciona-se diretamente com Deus, e a segunda, aonde os indivíduos interagem com outras pessoas e, por isso, ligam-se a Deus através da vida em comunidade.

Saiba mais sobre os 10 mandamentos, suas reflexões e orações:

1º mandamento: no primeiro mandamento, Deus se declara onipotente.

2º mandamento: no segundo mandamento, torna-se proibido tomar o seu nome em vão.

3º mandamento: na terceira lei de Deus, Ele afirmar a importância do descanso.

4º mandamento: no quarto mandamento, afirma-se a importância de honrar e respeitar seus pais.

5º mandamento: no quinto mandamento, o Todo-Poderoso reitera que só Ele tem o dom da vida e da morte.

6º mandamento: na sexta lei de Deus, afirma-se ser proibido pecar contra a castidade.

7º mandamento: na sétima lei do decálogo, é declarado a proibição de furtar ou roubar.

8º mandamento: no oitavo mandamento, aponta-se que não se deve levantar testemunhos falsos.

9º mandamento: no nono mandamento, Deus ensina a não desejar o parceiro do próximo.

10º mandamento: na última lei do decálogo, o Pai nos diz que é errado desejar as coisas alheias.

LEIA TAMBÉM

Edição: Rafael Barbosa/Colaborador | Design: Gabriel Andrade/Colaborador

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.