O poder do terceiro mandamento: Guardar os domingos e dias de festa

Entenda qual foi o exemplo que Deus nos deixou através dos Dez mandamentos. Confira qual é a força do terceiro mandamento e como segui-lo.

None
Foto: iStock

por Redação Alto Astral
Publicado em 16/01/2017 às 11:28
Atualizado às 11:54

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Os dez mandamentos são as leis de Deus ao povo para o caminho de uma vida liberta da escravidão do pecado. Tendo como mandamentos o amor a Deus e também ao próximo, o decálogo é uma poderosa fonte de proteção e aproximação ao Nosso Senhor. No terceiro mandamento, Deus nos fala que quem vive nele terá o descanso eterno.

terceiro mandamento, pedra

Foto: iStock

O poder do terceiro mandamento

PASSAGEM BÍBLICA

“8 Lembre-se do dia de sábado, para santifica-lo. 9 Trabalhe durante seis dias e faça todas as suas tarefas. 10 O sétimo dia, porém, é o sábado de Javé seu Deus. Não faça nenhum trabalho, nem você, nem seu filho, nem sua filha, nem seu escravo, nem sua escrava, nem seu animal, nem o imigrante que vive em suas cidades. 11 Porque em seis dias Javé fez o céu, a terra, o mar e tudo o que existe neles; e no sétimo dia ele descansou. Por isso, Javé abençoou o dia de sábado e o santificou”. (Êxodo 20: 8-11)

REFLEXÃO

O dia de descanso do trabalho existe para que o fiel possa adorar e louvar a Deus, conseguindo tempo para ir à igreja e participar da missa. Assim, com alegria, devemos dedicar o nosso tempo livre ao Senhor e, mais do que isso, dedicar este dia à Ele.

ORAÇÃO SOBRE O MANDAMENTO

Aos domingos, peça para Deus abençoar seu dia de descanso, pois ele foi merecido e fruto de muitos dias de trabalho. Neste dia, dedique seu tempo para agradecer as benfeitorias do Pai e as graças que Ele derrama sobre o seu lar, seu trabalho e sua família.

“Senhor, devoto-te este meu dia de descanso e se, porventura, eu não puder descansar, sei que saberás relevar este caso. Sei Senhor, que és o criador de todas as coisas e revelou nas escrituras, o relato autêntico da sua atividade criadora. Assim diz a escritura sagrada: ‘em seis dias fez o Senhor o Céu e a Terra e tudo que tem vida sobre a terra, e descansou no sétimo dia dessa primeira semana’. Assim, estabeleceu o sétimo dia como perpétuo monumento comemorativo de sua esmerada obra criadora. O primeiro homem e a primeira mulher foram formados à imagem de Deus como obra-prima da criação, foi-lhes dado domínio sobre o mundo e atribuído a responsabilidade de cuidar do Senhor. Quando o mundo foi concluído, ele era ‘muito bom’, proclamando a glória de Deus. Assim, proclamo este meu dia de descanso para sua glória Senhor. Assim, neste dia irei ao culto ou à missa e honrarei teu santo nome fazendo minhas orações em dobro, e entoando a oração que o Pai nos ensinou. (Reze dois Pais-Nossos) Por sua santa glória. Amém.”

Consultoria: Celeste dos Anjos 

LEIA TAMBÉM

Edição: Ariane Frassato/Colaboradora | Design: Gabriel Andrade/Colaborador

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.