Cruz: entenda a importância do maior símbolo do Cristianismo

Saiba qual é o significado da cruz, a maior e mais antiga representação do Cristianismo, e entenda a importância desse símbolo em sua vida

None
FOTO: iStock.com

por Redação Alto Astral
Publicado em 13/09/2016 às 11:59
Atualizado às 11:46

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

No Catolicismo, a cruz é celebrada no dia 14 de setembro. O crucifixo é o símbolo mais antigo que existe no Cristianismo. A cruz é uma intersecção de duas retas, uma horizontal e uma vertical e, além de significados religiosos e sociais, representa dois lados opostos: a vida e a morte, o mundo espiritual e o mundo terreno, a condenação e a redenção. Esse símbolo também nos desperta sensações contrárias, como a dor e o sacrifício. A crucificação de Cristo foi a última etapa de sua missão na Terra. Os romanos utilizavam a cruz como um instrumento de tortura e pena de morte aplicada aos criminosos. Ele foi condenado, crucificado e nos deixou o ensinamento de que é preciso sacrificar-se para conseguir uma renovação. É comum dizer que cada um possui sua cruz e aceitá-la e carregá-la é o caminho que nos liga a Deus. Louve a santa cruz e receba graças em sua vida.

“Se alguém quer me seguir, esqueça os seus próprios interesses, carregue cada dia a sua cruz e me acompanhe”. (Lucas 9:23)

Cruz com sol ao fundo, gramas e lago

FOTO: iStock.com

SAIBA MAIS

Semana abençoada: preces para todos os dias

Ave-Maria: entenda a importância da oração

O bom samaritano: entenda o significado da parábola e receba graças

Louvor a santa cruz

“Louvamos a Jesus Cristo, em sua santíssima bondade e fidelidade pelos seus sofrimentos, suas dores e chagas impostas na santa cruz, hoje o símbolo cristão mais vivo entre os fiéis. Louvamos a Jesus Cristo, por aqueles que não tiveram piedade nem benevolência, por aqueles que aplicaram a crueldade e a ingratidão. Louvamos a vós por ter enfrentado tudo isso pelos nossos pecados, pela nossa falta de fé, pela falta de conhecimento da palavra de Jesus e pela distração que cegaram nossos olhos, fazendo-nos não enxergar a vida, a paz, a alegria e a pureza que vinha de vosso coração e de vossa alma santa. Louvamos pelo perdão que esperamos de vós, Jesus, e cheios de emoção, acreditamos que grandioso em sua resignação fará com que seus seguidores jamais esqueçam desta passagem bíblica, quando de sua crucificação: ‘Pai, perdoa-lhes, porque não sabem o que fazem!’ (Lucas: 23: 34)”

Texto e pesquisa: Gabriela Carvalho/Colaboradora / Edição: Natália Dário / Design: Aline Barudi

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.