MUNDO MÍSTICO

Alegria de ser perdoado: Papa Francisco pede aos cristãos rostos de felicidade. Confira!

Ser perdoado por um amigo, família ou justiça aparenta ser mais gratificante que receber um perdão de Deus. Isso porque, muitas pessoas, levam mais em consideração as preocupações mundanas. Saiba a opinião do Papa Francisco sobre o assunto e seus conselhos para ter a alma mais alegre de ser perdoado.

None
(Foto: Divulgação/Copyright L'Osservatore Romano)

por Redação Alto Astral
Publicado em 29/01/2018 às 11:00
Atualizado às 11:41

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Todos os humanos são pecadores. Essa máxima resulta em fiéis orando e pedindo perdão a Deus. Nesses casos, você já sentiu uma certeza ou sensação de ser perdoado pelo Senhor? É sobre esse tema que o Papa Francisco deu um sermão nos cristãos quando disse: “Alegra-te! Grita de alegria de ser perdoado, exulta e aclama com todo o coração”. Confira a mensagem do pontífice.

Alegria de ser perdoado

O santo padre inicia sua homilia da Casa de Santa Marta percebendo que os cristãos andam com rostos de luto, ou seja, com expressões de tristeza, mesmo quando recebem um perdão por suas atitudes. “Pensemos num preso, que lhe é inocentado da pena. Não consegue acreditar, não o esperava e alegra-se: ‘Perdoaram-me!’. Ou então recordemos muitas vezes os doentes curados por Jesus no Evangelho, aqueles paralíticos que… ‘Levanta-te, caminha’, e pegavam na maca e iam embora felizes”, exemplifica o papa.

Contudo, quando os fiéis são redimidos, não exultam em alegria, como continua o pontífice: “Mas, infelizmente, como cristãos, muitas vezes não estamos conscientes do perdão da redenção, da justificação que Jesus nos trouxe: fomos perdoados!”.

Seja feliz

Assim, o Papa Francisco pede aos cristãos que tenham menos cara de funeral, a qual não parece estar contente com a salvação, com os pecados que foram perdoados. Por esse motivo, o santo padre aconselha: “A primeira mensagem da liturgia de hoje: és um perdoado, cada um de nós foi perdoado. Recebe este perdão e vai em frente com alegria de ser perdoado. ‘Mas sou pecador…’. Sim, mas se Ele nos perdoou pela raiz, nos perdoará depois aquilo que todos fizermos por debilidade. Deus é o Deus do perdão, nunca o esqueçais, e tende o rosto alegre”, clama o papa.

Além disso, Francisco dá outros motivos para os fiéis serem felizes e alegres. O primeiro é que, segundo o santo padre, Deus anda com você sempre e, por isso, não tem razão para ter medos. Segundo e, por fim, não desanime, dias ruins acontecem, você pecará de novo porque é humano, mas Cristo sempre te ajudará.

LEIA TAMBÉM

Texto: Camila Ramos/Colaboradora