MUNDO MÍSTICO

Confira 5 dicas cotidianas que podem mudar a sorte para melhor!

Se você pensa que sua sorte não depende de fatores místicos sem explicações, então, como aumentar e se tornar uma pessoa pé-quente? Confira as dicas!

None
Foto: Wikimedia Commons

por Redação Alto Astral
Publicado em 05/04/2017 às 10:40
Atualizado às 15:10

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Se você concorda que sua sorte não depende de fatores místicos sem explicações e, sim, apenas do modo como pensa e lida com as situações que aparecem na sua frente, então, como aumentá-la e se tornar uma pessoa pé-quente? Especialistas mostram o caminho para deixar o azar para trás e mudar a sorte para melhor:

1. Conheça seus limites

A coach e psicóloga Jéssica Piovan indica que não se deve assumir mais do que se pode cumprir. “Devemos tomar nossas decisões com base naquilo que nos sentimos preparados para lidar e acreditar em nossas potencialidades como ser humano”, orienta.

2. Foco no emocional

A inteligência emocional é um elemento importante para o quesito “ter mais sorte”. Para tanto, você deve encarar as adversidades com resiliência, além de “se estabilizar diante das dificuldades e sempre tirar um bom aprendizado disso, pois precisamos internalizar que aprender é uma forma de ser mais afortunado”, completa Jéssica.

plantação de trevo de quatro folhas

Foto: Wikimedia Commons

3. Positividade

A influência que os pensamentos surtem sobre suas ações já foi comprovada pela ciência, e isso também pode atuar na sua maré de sorte ou revés. O médico psiquiatra Marcelo Piquet indica uma pesquisa realizada na Universidade Duke, nos Estados Unidos, com 2.700 voluntários. O estudo “mostrou que aqueles com emoções positivas viveram muitos anos mais em relação aos que tinham predomínio de emoções negativas (medidas por meio de questionários) e todos responderam que se sentiam com mais ‘sorte’”.

4. Planeje-se

Se você perceber as falhas que podem acontecer durante qualquer percurso, pode evitá-las tomando determinadas precauções. “Planejamento e estratégia servem exatamente para minimizar a chance de sermos surpreendidos por eventos aleatórios, seja para uma viagem, uma palestra ou um projeto de trabalho”, evidencia Marcelo.

5. Seja grato

Saber reconhecer a “sorte” que você tem na vida, por menor que sejam os benefícios, ajuda a perceber outros bons momentos quando eles aparecem. “Antes de dormir, anote três coisas boas que aconteceram no dia e por que elas são boas. Dessa maneira, você está transformando seu cérebro em um cérebro positivo”, aconselha Plínio de Souza, psicólogo e especialista em programação neurolinguística.

LEIA TAMBÉM

Texto: Giovane Rocha Edição: Angelo Matilha Cherubini

Consultorias: Jéssica Piovan, coach e psicóloga no Instituto Itankale (itankale.com.br); Marcelo Piquet, médico psiquiatra; Plínio de Souza, psicólogo, especialista em programação neurolinguística e master coach.