Muay Thai: perca até 1300kcal por aula e emagreça!

Conheça todos os benefícios do Muay Thai para o seu corpo. A arte marcial ajuda com a flexibilidade, agilidade e deixa o corpo sequinho

Homem, lutador, posição de luta
Foto: Shutterstock

Você não gosta de puxar peso e nem do treino repetitivo das academias tradicionais? Então, que tão investir em uma arte marcial? A aula de Muay Thai é dividida em três partes: aquecimento, exercícios de técnicas marciais e condicionamento. Saiba mais a seguir!

Homem, lutador, posição de luta

Foto: Shutterstock

Para aquecer

Os alunos ficam entre 10 a 20 minutos alternando entre correr, pular corda e fazer polichinelo. Essas atividades são as chamadas aeróbicas já que têm o poder de acelerar o coração. Elas ajudam a perder gordura e também a liberar hormônios como endorfina, que causam a sensação de bem-estar.

Parte técnica

Nesse momento, o não só a parte técnica, mas também a teórica são desenvolvidas. É hora de ensinar e treinar os golpes com soco, cotovelo, joelho e canela.

Condicionamento físico

É feito para o fortalecimento total do corpo com exercícios de abdominais, flexões e agachamentos, divididos em séries que levam a exaustão total, por isso, são realizados no final. Dessa forma é possível adquirir músculos.

O treino

Para quem tem medo de se machucar com a luta é importante saber que há proteção como protetor bucal, luva, capacete, caneleira, cotoveleira, joelheira, coquilha e protetor de tórax.  O professor de Muay Thai Rogério Balrog Lima comenta que, para se tornar um lutador profissional ou se aperfeiçoar na arte, é fundamental o treinamento com técnicas e o contato corpo a corpo, pois assim se tem uma experiência mais realista. A luta fortalece tantos os músculos superiores como inferiores, promove agilidade, flexibilidade, coordenação motora, força, potência, autocontrole e equilíbrio como um todo, até mental.

LEIA TAMBÉM:

Consultoria: Rogério Balrog Lima, professor de muay thai
Texto: Jussara Tech