Mercado light: escolha os melhores produtos para o seu carrinho!

Dicas de ouro para você não sair da dieta e escolher os melhores produtos para o seu carrinho, seja na padaria, no açougue ou no mercado!

mulher fazendo compras no mercado
Foto: Shutterstock.com

Vai comprar os alimentos do dia, da semana ou do mês, mas não sabe como escolhê-los sem cometer deslizes na dieta? Para ajudar, trouxemos algumas dicas que vão impedir você de errar na ida ao mercado!

Na banca de frutas do mercado

• Nem toda fruta é magra. Coco e açaí possuem gordura.
• Compre frutas que possuem água na sua composição e combatem o inchaço, como pera, melancia e melão.
• Turbine o processo de desintoxicação com mamão papaia e ameixa seca.
• Salada não é sinônimo de alface, por isso invista em outros tipos de verduras. Procure ainda deixá-la bastante colorida, utilizando cenoura, beterraba, tomate…
• Abobrinha e chuchu são pouco calóricos e nutritivos

mulher fazendo compras no mercado

Foto: Shutterstock.com

Na padaria

• Troque as 270 calorias do pão francês pelas 60 calorias do pão integral.
• Quanto mais fibras no pão, melhor! Invista nas versões com grãos combinados.
• Bolos prontos possuem gordura trans. Invista nos caseiros, sem cobertura nem recheio.
• O bolo de laranja costuma ter menos calorias do que os de chocolate e coco.

SAIBA MAIS

4 alimentos que podem colocar a sua dieta em risco!

Vença o efeito platô na dieta!

Como combater a ansiedade na dieta

Freezer

• Nada de queijos e iogurtes integrais, que são extremamente gordurosos.
• Entre as versões desnatada e 0% de gordura, escolha a primeira. Gordura na medida certa é saudável e fornece energia, e os desnatados possuem 2% desse nutriente.
• Ricota, cottage e queijo de minas light são as melhores opções para o dia a dia.

No açougue

• Maminha, frango e lagarto são carnes magras e merecem ser levadas para casa.
• Nunca compre carne já moída. Escolha um corte magro e peça para o açougueiro retirar a gordura antes de moê-la.
• Resista às linguiças, salsichas e cia, que são gordas e cheias de conservantes.

Texto: Leonardo Valle/Colaborador | Consultoria: Ângela Cardoso, nutricionista