Os melhores exercícios físicos de acordo com a idade de cada mulher

Você sabia que existem atividades mais recomendadas para a sua faixa etária? Confira!

Os melhores exercícios físicos de acordo com a idade de cada mulher
Foto: Shutterstock

Cada fase da vida tem suas particularidades e, com o nosso corpo, não seria diferente. A prática de atividades físicas é fundamental em todas as idades, no entanto, algumas são mais recomendadas do que outras de acordo com a faixa etária. Já conhece os melhores exercícios físicos para você?

O educador físico Roberto Zogbi explica que é preciso estar atenta às recomendações segundo as mudanças do seu corpo: “Quanto mais idade, maior é a perda de massa muscular e, consequentemente, o impacto sofrido pelas articulações, podendo causar lesões”.

Para poder aproveitar o que os exercícios oferecem de melhor para a sua saúde e bem-estar, contamos quais são os mais indicados para as mulheres de cada idade. Saiba mais!

Exercícios físicos ideais para cada faixa etária

Mulheres de 20 anos

Os melhores exercícios físicos de acordo com a idade de cada mulher
Foto: Shutterstock

Em alguns casos, as gordurinhas extras começam a aparecer apenas quando a mulher atinge a idade adulta. Além disso, é nessa fase que nos tornamos mais atarefadas, aliando os compromissos profissionais aos estudos e vida social. Assim, o melhor é aproveitar toda essa disposição para realizar exercícios rápidos e de maior intensidade.

As atividades aeróbicas, como corrida, dança e bicicleta, são as mais recomendadas para atingir a perda de peso. Enquanto isso, a ginástica localizada e a musculação são ideais para fortalecer os músculos. Esportes como vôlei, futebol e natação também são boas alternativas para quem busca reduzir medidas.

Se você deseja trabalhar o corpo e a mente ao mesmo tempo, a ioga pode ser a melhor escolha. Essa prática ajuda a enrijecer o corpo, além de trabalhar a concentração, respiração e melhorar a postura. Tudo de bom!

Mulheres de 30 anos

Os melhores exercícios físicos de acordo com a idade de cada mulher
Foto: Shutterstock

Essa é a fase em que as mulheres começam a perceber a diminuição da produção de colágeno no organismo e, consequentemente, um leve aumento da flacidez. Para evitar, a dica é investir em exercícios de musculação, praticando treinos de glúteos, abdômen, braços e parte interna da coxa.

Uma boa opção para quem não gosta de musculação e quer fortalecer os músculos é o pilates. Assim como a ioga, ele promove o relaxamento e o bem-estar, além de ajudar a esculpir o corpo e melhorar a postura.

Entre os 30 e 40 anos, atividades aeróbicas como corrida e caminhada são ótimas para complementar o treino e não devem ser deixadas de lado. Lembre-se: os alongamentos também são fundamentais para evitar a perda de flexibilidade!

Mulheres de 40 anos

Os melhores exercícios físicos de acordo com a idade de cada mulher
Foto: Shutterstock

Aqui começam a aparecer os primeiros sinais da menopausa, exigindo a prática de exercícios mais intensos. O cuidado com os ossos também passa a ser essencial e nada melhor do que atividades físicas para facilitar a absorção de cálcio pelo organismo e evitar o desenvolvimento da osteoporose.

A orientação é seguir as mesma práticas da faixa etária anterior, porém, aumentar a carga dos exercícios e diminuir o número de repetições. O foco deve ser evitar perdas musculares, especialmente na região dos braços.

Mulheres de 50 anos ou mais

Os melhores exercícios físicos de acordo com a idade de cada mulher
Foto: Shutterstock

Ao chegar nos 50 anos, os exercícios devem ser direcionados à manutenção da saúde e do bem-estar. Nessa faixa etária, o organismo se torna um pouco mais frágil, mas isso não significa que as atividades físicas devem ser deixadas de lado. Pelo contrário. Elas ajudarão a evitar a desaceleração metabólica, a perda de massa muscular e lesões corporais. Além disso, também podem aliviar dores e prevenir contra diversas doenças.

A recomendação é alternar entre exercícios de fortalecimento, como musculação leve e pilates, e a hidroginástica, que fornece menor impacto articular. Os exercícios aeróbicos ajudam a cuidar da mente e queimam as gordurinhas acumuladas, que já não são eliminadas tão facilmente como antes.

Vale pontuar que, se você for praticar alguma dessas atividades fora de casa, todos os protocolos de segurança da Organização Mundial da Saúde (OMS) contra o coronavírus devem ser seguidas. Além disso, lembre-se de que os melhores exercícios físicos para você, independente da sua faixa etária, são aqueles com os quais você se identifica mais e que te fazem sentir bem com o seu corpo. Adapte nossas sugestões à sua realidade!

Consultoria: Bruno Amaral, educador físico da SNC – Sports Nutrition Center, do Rio de Janeiro (RJ) | Roberto Zogbi, educador físico e fisiologista do esporte da Vibe Sport, de São Paulo (SP)

Leia também: