Corte ideal: saiba qual o melhor curtinho para cada tipo de fio

Aposte no melhor estilo tamanho P para seu cabelo, seja ele cacheado, liso ou com fios grossos

Foto de um cabelo curto send cortado. Na foto aparece apenas uma parte do cabelo e um pedaço da mão que está cortando o cabelo. Aposte no melhor curtinho para seu tipo de fio
Foto: Getty Images

Que mulher não quer um cabelo cheio de estilo e fácil de cuidar? Apostar no melhor curtinho para o seu tipo de fio é a melhor opção para isso. Confira as dicas para o corte ideal de acordo com o tipo das suas madeixas!

Para os lisos

Mulher de cabelo loiro platinado com cabelo liso cortado curtinho e com uma franja grande. Ela veste uma blusa branca e óculos preto

Foto: Shutterstock Images

“Esse tipo de fio merecem um bom desfiado”, conta o cabeleireiro Romildo Silva. O ideal para esse estilo de cabelo, segundo a hairstylist Fernanda Kayleigh, é apostar no corte pixiehair, junto com uma franja lateral desfiada.
Finalize com pomadas efeito matte!

Para os cacheados

Mulher de cabelo cacheado castanho médio/escuro com o corte curtinho certo. Ela veste uma blusa verde e está em um lugar que há muitas árvores no fundp

Foto: Getty Images

Segundo Romildo, para manter a naturalidade dos fios, os cacheados devem ser repicados, usando o ângulo de 45º no cabelo, resultando no melhor curtinho para esse tipo de madeixa, que deixa o volume na medida certa.

Finalize com creme de pentear e leave-in!

Para os grossos

Foto da apresentador Fernanda Souza de cabelo castanho escuro com canhel repicado. Ela veste uma jaqueta de couro com alguns corações vermelhos estampados

Foto: Fábio Rocha/Divulgação/Rede Globo

Cortes chanel ou na altura do ombro caem bem para os fios mais grossos.  O desfiado deve ser feito com tesoura ou navalha, cerca de 5cm acima das pontas, para dar leveza e suavizar o peso dos fios.

Finalize com o reparador de pontas!

 

Consultoria: Fernanda Kayleigh, hairstylist do Soho Hair, São Paulo – SP; Romildo Silva, cabeleireiro da Tijuca, Rio de Janeiro – RJ

Texto: Redação Alto Astral

LEIA TAMBÉM