Melancia ajuda na perda de peso

Desvende todos os benefícios da melancia para a saúde e o emagrecimento, conheça os diferentes tipos da fruta e saboreie sem culpa!

fatias de melancia
Foto: Shutterstock Images

Deliciosa para o preparo de sucos, chás, sobremesas e até geleia, a melancia está entre as cinco frutas mais importantes cultivadas no Brasil. Presente em quase todo o país, seu plantio é feito o ano todo nas regiões quentes e de agosto a novembro em regiões onde o clima é mais frio.

fatias de melancia

Foto: Shutterstock Images

Como escolher na hora de comprar?

A melancia de boa qualidade tem a casca firme, lustrosa e sem manchas escuras. Para saber se a fruta está madura, bata com os nós dos dedos na casca: “Se sair um som abafado ou surdo ela está madura; um som mais ardido indica que ainda está verde”, explica a nutricionista Aritiane Silva. Se preferir comprar a melancia já cortada, escolha aquelas com a polpa mais vermelha e brilhante, mas que esteja firme.

SAIBA MAIS

Conheça os benefícios da amora para emagrecer!

Perca peso com chá todos os dias!

5 alimentos para desintoxicar o organismo!

Como conservar a fruta?

Para acelerar o amadurecimento, envolva a fruta em um saco de papel e deixe-a em temperatura ambiente. No dia a dia, conserve-a fora da geladeira por até uma semana, desde que em local fresco e arejado. “Depois de cortada, a melancia deve ser conservada somente na geladeira, envolvida em papel-alumínio ou papel-filme para evitar o ressecamento”, afirma Aritiane.

Tipos de melancia

Com semente: é a melancia mais consumida no Brasil e encontrada em abundância em várias regiões.

Sem semente: desenvolvida no Japão e adaptada no Brasil, é encontrada nos tipos com polpa vermelha e amarela. “As sementes existem, mas são pouco desenvolvidas e totalmente comestíveis”, garante Aritiane. Ela é mais prática para o consumo e menos calórica (100g contém 22kcal), entretanto, custa cerca de três vezes mais que as tradicionais.

Mini (ou melancia baby): com peso de 2 a 5kg, pode ser cultivada em pequenos jardins. Sua casca é verde-escura e a polpa vermelha. • Vermelha: tipo mais consumido e conhecido, sua polpa é doce e de cor vibrante. É suculenta e muito saborosa.

Amarela: encontrada em países de clima mais frio, como o Japão, sua polpa é amarela. Não é doce e crocante como a melancia vermelha, porém, é rica em betacaroteno, substância presente em vegetais amarelos e alaranjados, responsável por aumentar a imunidade, favorecer a visão e proteger a saúde de pele e cabelos.

Texto: Larissa Faria | Consultoria: Aritiane Silva, nutricionista