Manual do brigadeiro: aprenda a fazer o docinho perfeito para vender

Veja dicas preciosas para nunca mais errar na receita e faturar alto!

Por Lirian Coelho - 19/05/2017
brigadeiros na forminha sobre uma esteira de madeira, manual do brigadeiro

Não importa a época, os brigadeiros são sempre os docinhos mais pedidos | Foto: iStock

Fazer um brigadeiro qualquer um faz, não é mesmo? Mas preparar um produto de qualidade para encantar o cliente, não. É preciso técnica, escolha correta dos ingredientes e muita dedicação. E para você não errar em nada na sua produção, confira este manual do brigadeiro com as dicas de Edelzia Foresti, professora de um dos cursos online de brigadeiro mais famosos do Brasil.

A escolha dos ingredientes

De acordo com Edelzia, o melhor chocolate para fazer brigadeiros é o em pó sem açúcar ou o cacau em pó 100%. “Não utilize achocolatados ou chocolates em pó com açúcar adicionado. O leite condensado já contém bastante açúcar. Portanto, adicionar mais pode fazer com que seu doce fique enjoativo e cristalize mais rápido”, orienta.

No caso da gordura, a professora afirma que é melhor dar preferência à manteiga na versão mais natural possível, à base de creme de leite. Edelzia alerta também que é importante sempre ler o rótulo, pois existem produtos que são vendidos como manteiga, mas que possuem outros ingredientes adicionados.

Segundo a professora, também é preciso escolher bem o leite condensado, já que, se for de má qualidade, poderá interferir negativamente no sabor e na consistência do seu docinho. “O bom leite condensado fará com que seu brigadeiro atinja uma textura mais cremosa e brilhante. Um leite condensado ruim fará com que seu brigadeiro demore mais tempo para atingir o ponto correto e prejudicar a textura, fazendo com que ele cristalize mais rápido”.

prato com massa de brigadeiro

Os ingredientes devem ser de qualidade para resultar em um bom docinho | Foto: Shutterstock

Problemas no percurso

Mesmo depois utilizar os ingredientes corretos, você não está livre de possíveis problemas na sua receita. Dentre os mais comuns estão a massa empelotar ou o seu brigadeiro açucarar. No primeiro caso, Edelzia orienta nunca descuidar da panela. “Para que a massa de brigadeiro não empelote, é necessário mexer sempre em movimentos circulares de dentro para fora e de fora para dentro, nunca deixando de cobrir nenhuma parte”, ensina.Além disso, a professora lembra que é importante controlar a temperatura do fogão, sempre mantendo o fogo baixo.

Quanto ao problema de cristalização da massa, também conhecido como brigadeiro açucarado, Edelzia afirma que está diretamente ligado à escolha do leite condensado. “Em algumas marcas, é comum sentirmos uma textura arenosa no leite condensado, e isso se deve ao fato desses cristais serem maiores, mais perceptíveis, fazendo com que seu brigadeiro cristalize muito mais rápido”, revela.

Edelzia Foresti enrolando beijinhos

Edelzia revela truques que fazem toda a diferença no resultado final do docinho | Foto: Divulgação

Bem fresquinho

Apesar de muitas vezes receber a encomenda de brigadeiros semanas e até meses antes, é preciso organizar-se para prepará-los bem próximo da data de entrega. Se fizer um dia antes, por exemplo, armazene na geladeira em um recipiente bem fechado. Para que o sabor e a crocância do granulado não sejam prejudicados, Edelzia dá a dica de deixar os brigadeiros apenas enrolados na geladeira, sem o granulado. “Só passe no granulado momentos antes de entregar, para que ele permaneça fresco e não absorva umidade.”

De acordo com a professora, brigadeiros comuns podem ser armazenados em geladeira por até 7 dias ou fora da geladeira por até 3 dias. Mas, ainda que tenha durabilidade de até uma semana, Edelzia orienta ter um cuidado especial com a questão da validade.  “Tente sempre entregar o brigadeiro o mais fresco possível, pois você não sabe quando o cliente vai consumi-lo”. Além da preocupação com a qualidade dos ingredientes e da validade, a professora afirma que a apresentação final do brigadeiro, incluindo a embalagem, fará toda a diferença.

Outra questão apontada pela doceira é o tipo de abordagem com os consumidores. “O bom atendimento ao cliente também é crucial para que se tenha sucesso, e muitas pessoas que estão iniciando ainda pecam em alguns pontos, até mesmo sem perceberem”, conta a professora que, em seguida, revela a dica mais importante de todas: “faça seu trabalho com amor e carinho, que seu cliente certamente reconhecerá”.

brigadeiros, enrolados, bolas, granulado

Mesmo depois de fazer uma massa perfeita, o momento de enrolar também é muito importante | Foto: Shutterstock

Bolinhas saborosas

Para dar forma ao seu docinho, a professora dá duas dicas importantes:

  • Não é interessante usar água e sequer manteiga nas mãos para enrolar o brigadeiro. “Eu, pessoalmente não indico, pois adicionar água pode induzir à cristalização mais rápida, e a manteiga pode deixar uma textura gordurosa desagradável ao paladar.”
  • Contudo, se a massa estiver grudando nas mãos, provavelmente, é porque não está no ponto correto de enrolar ou o clima está muito quente, fazendo com que o doce derreta na mão. “Nesse caso, volte a massa ao fogo até dar o ponto ou leve à geladeira”, orienta a professora.

Consultoria: Edelzia Foresti, autora do ebook gratuito “8 Segredos Para Lucrar Mais Com Brigadeiros Gourmet” e professora de cursos online de brigadeiros e beijinhos gourmets 

LEIA TAMBÉM