Maçã poderosa: conheça 3 benefícios da fruta!

A maçã é uma fruta muito consumida pelos brasileiros e, além de saborosa, apresenta benefícios à saúde: protege o coração e turbina o cérebro.

Comer maçã regularmente ajuda a proteger a saúde
FOTO: Shutterstock

Por ser comum na feira e disponível praticamente o ano inteiro, ela pode não despertar tanto o interesse dos consumidores desavisados. Porém, a maçã é muito mais que apenas um alimento na fruteira: ela é pouco calórica, rica em fibras e vitaminas, entre outros nutrientes, e seu consumo regular contribui para a manutenção da saúde. Aproveite!

 

A maçã apresenta benefícios como turbinar o cérebro e proteger o coração

FOTO: iStock e Getty Images

 

Aposte sem medo na maçã

De bem com o seu coração: as pectinas, gomas e mucilagens são fibras solúveis encontradas nesse tipo de alimento e o seu consumo é capaz de reduzir o colesterol sanguíneo, pois retarda a absorção de gordura pelo trato digestivo. Assim, o risco de doenças cardiovasculares e aterosclerose (acúmulo de gordura nas artérias) é reduzido. Rica em quercetina, a fruta ainda evita a formação de coágulos sanguíneos.

 

SAIBA MAIS:

5 alimentos poderosos contra o diabetes

Confira os benefícios do gengibre para o coração

Alimentos para turbinar sua memória

 

Cérebro turbinado: quem consome essa fruta tem a vantagem de blindar o cérebro. Isso acontece, principalmente, por ela possuir uma substância chamada fisetina. “A maçã é uma das principais fontes de fisetina, segundo estudos realizados no Instituto Salk, nos Estados Unidos. Esse fitoquímico favorece o amadurecimento das células nervosas e estimula mecanismos cerebrais associados à memória”, informa a nutricionista Fernanda Granja.

Afaste o diabetes: a fruta é composta por um tipo de açúcar chamado frutose que, em união com a boa quantidade de fibras que a constituem, é liberado mais lentamente na corrente sanguínea em relação à sacarose, açúcar extraído da cana-de-açúcar. E, por esse motivo, a maçã é uma das opções para os diabéticos, por manter o nível de glicose estável por mais tempo.

 

 

Consultoria Fernanda Granja, nutricionista