Tem um negócio próprio? Descubra 8 dicas para lidar com clientes insatisfeitos!

Lidar com compradores aborrecidos nem sempre é sinônimo de transtorno

vendedor segurando máquina de cartão de crédito e solicitando o cartão da cliente
Mesmo que o cliente esteja de mau humor, é possível desenvolver estratégias para concluir a venda (FOTO: Shutterstock Images)

Falhas acontecem em qualquer processo, com profissionais de qualquer área de atuação. Como o ramo das vendas lida com seres humanos, as possibilidades de problemas acontecerem são grandes e eles podem derivar das mais diferentes causas. A experiência que um cliente insatisfeito teve com o seu atendimento pode ser julgada pelo mesmo como a pior de todas, como também, simplesmente, um freguês pode acordar de mau humor e resolver descontar tudo em um vendedor.

Veruska Olivieri, consultora de imagem e Coaching Executiva, atenta para um fator importante: “pensar em categorias de clientes insatisfeitos já indica que o trabalho de preparo, abertura e sondagem da venda não foram bem feitos. Dizer que um cliente é insatisfeito parte do pressuposto que a responsabilidade e o problema são do cliente e não do trabalho do vendedor”, aponta. Portanto, o vendedor não deve terceirizar a responsabilidade e colocar o controle do resultado de seu trabalho nas mãos dos clientes, ao invés de relacioná-los aos seus procedimentos. Confira alguns passos para contornar as situações problemáticas e melhorar seu desempenho!

LEIA TAMBÉM

Texto: Higor Boconcelo/Colaborador

Consultoria: Veruska Olivieri, consultora de imagem e Coaching Executiva.