Dicas de homeschooling para aprimorar o ensino a distância de seus filhos

Saiba como ajudá-los a não entrar em defasagem enquanto estiverem tendo aulas virtuais

Homeschooling
Foto: Shutterstock

O método de estudo a distância, também conhecido como homeschooling, tem se tornado um desafio a mais na vida de professores, alunos e, também, pais que não estavam acostumados com esse tipo de dinâmica. No entanto, neste momento de pandemia, ou para aqueles que já eram adeptos do EAD, é imprescindível ainda mais disposição para que a rotina de estudos não seja prejudicada.

Para te ajudar a aderir essa nova maneira de ensino, que só é possível por conta da tecnologia, nós separamos algumas orientações que podem colaborar no seu dia a dia e na de seus filhos na hora de assistir às aulas on-line.

Como tornar o homeschooling mais produtivo?

Local apropriado para estudos

Pode até parecer besteira, mas separar um cantinho da casa específico para isso pode ajudar – e muito – na concentração na hora de estudar. Invista em um lugar tranquilo, bem iluminado e, principalmente, em uma cadeira que permita uma postura corporal correta.

Não subestime as aulas

Não permita que seu filho deixe de assistir as aulas durante o homeschooling é essencial para que não haja defasagem em seu processo de aprendizagem. A flexibilidade de horários não significa que estudar a distância exige menos dedicação e a maior parte dos professores continua se esforçando muito para entregar um conteúdo de qualidade.

Tecnologia

Com mais tempo livre, é possível encontrar conteúdos que sejam ao mesmo tempo divertidos e cheios de aprendizado. Para ajudar a reforçar os conteúdos dados em aula para se filho, o incentive a procurar podcasts e aplicativos sobre os mesmos assuntos. Além disso, existem filmes e séries que são ótimos para uma melhor compreensão das aulas de história, por exemplo.

Não deixe para depois

O ensino a distância, assim como o presencial, possui prazos e, muitas vezes, para compensar aquele contato direto entre professor e aluno, são oferecidos ainda mais trabalhos e atividades para reforçar os conteúdos. Por isso, não se engane! É necessária muita disciplina para não permitir que a distração tome conta e fazer com que o tempo seja aproveitado, respeitando os limites de cada um. Deixar para depois pode implicar em ainda mais estresse e ansiedade.

Cronograma de estudos

Independente de quem estiver estudando, seja você ou seu filho, é importante montar um cronograma para que a rotina seja equilibrada e organizada. Divida o tempo de estudo e o de lazer para não se perder no tempo e conseguir entregar os trabalhos dentro do prazo e com alguns dias de folga caso ocorra alguma instabilidade tecnológica.

Motivação

Não é todos os dias que a disposição está nas alturas e isso é natural. Portanto, caso esteja supervisionando os estudos de seu filho, procure meios de motivá-lo para que a rotina não caia completamente na monotonia. Incentive-o a mesclar conteúdos mais fáceis com os mais difíceis e não o pressione caso perceba que ele realmente não está em um bom dia.

Momentos de descanso

Equilíbrio é tudo nessa vida. Estudar demais ou de menos não vai levar a lugar nenhum, já que, acima de qualquer outra coisa, a saúde mental precisa permanecer boa para conseguir atingir novas metas. Focar toda a energia só nos estudos não vai fazer ninguém feliz e muito menos contribuirá para o progresso. Já parou para pensar que outras atividades podem trazer excelentes ideais capazes de ajudar na sua produtividade? Priorize momentos de descanso diários.

Leia também: