Após denúncia de assédio sexual em 2017, Globo demite José Mayer

Na geladeira desde março de 2017, só agora foi confirmada a demissão do ator pela Globo

globo demite josé mayer
Por Laura Gallinari - 16/01/2019

Foto: Divulgação/Globo

Depois de uma relação de 35 anos, Globo demite José Mayer por conta da denúncia de assédio sexual em 2017, feita pela figurinista Susllem Tonani. O contrato do ator venceu em dezembro de 2018 e a emissora decidiu não renovar. Desde a novela A Lei do Amor (com término em março de 2017), Mayer estava afastado das produções de novelas e programas.

Em nota, foi confirmado que a Globo demite José Mayer: “Depois de mais de 35 anos de uma trajetória iniciada na novela ‘Guerra dos Sexos’, em 1983, com participação em mais de 40 obras, entre novelas, séries, minisséries e especiais, a Globo e o ator José Mayer informam o fim da parceria, de comum acordo, no final de 2018”.

Globo demite José Mayer por causa de denúncia de assédio: relembre o caso

A assistente de figurino, Suesllem Tonani, denunciou o ator em março de 2017, afirmando que ele teria a assediado durante as gravações de A Lei do Amor. Suesllem escreveu um relato em primeira pessoa, contando que os assédios teriam começado há oito meses com frases “Como você é bonita”, que evoluíram para “Fico olhando a sua bundinha e imaginando seu peitinho”. Pouco antes da denúncia, José Mayer teria colocado a mão na genitália da mulher, dentro de um camarim da emissora e na frente de duas camareiras.

globo demite josé mayer

Foto: Divulgação/Globo

O caso repercutiu e várias atrizes e funcionárias da Globo se sensibilizaram com a agressão sofrida por Suesllem. Com uma camiseta escrito “Mexeu com uma, mexeu com todas” e usando a hashtag #ChegaDeAssédio nas redes sociais, Mariana Xavier, Drica Moraes, Bruna Linzmeyer, entre outras, posicionaram-se contra o comportamento machista de Mayer.

Ao se sentir pressionado, o ator admitiu o erro em uma carta aberta ao público: “Eu errei. Errei no que fiz, no que falei, e no que pensava. A atitude correta é pedir desculpas. Mas isso só não basta. É preciso um reconhecimento público que faço agora. Mesmo não tendo tido a intenção de ofender, agredir ou desrespeitar admito que minhas brincadeiras de cunho machista ultrapassaram os limites do respeito com que devo tratar minhas colegas”, escreveu, explicando também que estava passando por um momento de mudança.

A denúncia da agressão não foi parar na Justiça, pois a figurinista afirma ter sido inibida por um delegado logo após denunciar o fato. Mesmo assim, o que aconteceu não foi ignorado pela Globo, tanto que José Mayer foi proibido de ser escalado para qualquer produção, até que viesse a confirmação do fim de seu contrato.

LEIA TAMBÉM: