Gelada e saudável: saiba todos os benefícios da água para o emagrecimento

Você sabia que a água gelada auxilia na perda de peso? Combinada com uma alimentação rica em fibras, ela melhora o funcionamento do intestino

copos e jarra com água gelada
Foto: Shutterstock.com

Que essa bebida é vital para o funcionamento de todo o nosso organismo, não é novidade. Mas, você sabia que a água gelada auxilia na perda de peso? Isso acontece porque ela se encaixa na lista de alimentos termogênicos e, se combinada com uma alimentação rica em fibras, melhora o funcionamento do intestino.

Por que a água gelada emagrece?

A água é muito importante para o bom funcionamento do organismo e, o que ninguém sabe, é que beber água ajuda no processo de emagrecimento, sobretudo quando gelada. “A temperatura do corpo humano gira em torno de 36°C, enquanto a água gelada em torno de 4°C. Depois de ingerida, para que o corpo esquente essa água até a temperatura de equilíbrio, são gastas calorias
valiosas, portanto, é uma maneira de queimar gordura sem esforço”, afirma Márcia Loureiro, nutricionista da Life Clínica, de Campinas (SP). Segundo ela, beber de oito a dez copos por dia gera um gasto médio de 200 calorias. Mas é importante lembrar que isso não elimina a necessidade da prática regular de exercícios físicos.

Os melhores horários

Segundo Márcia Loureiro, é ideal tomar um copo de água gelada sempre que sentimos um vazio no estômago e antes de ingerir outros alimentos. “Ela não tem calorias, e como está gelada, vai fazer com que o organismo gaste energia”, comenta. O indicado é que a bebida seja ingerida ao longo de todo o dia, porém, alguns horários potencializam o seu efeito termogênico. Os momentos
mais indicados para tomar água gelada são: logo pela manhã e antes de deitar. Quando acordamos, o corpo ainda está despertando e um incentivo no gasto calórico pode te manter saciado durante mais tempo. Já antes de deitar, podemos tomar a água para turbinar a queima de calorias durante toda a noite.

Não espere a sede chegar!

Sentir sede é um sinal de alerta do corpo de que ele precisa de água. Por isso, a melhor coisa é manter o organismo hidratado o tempo todo! “A sede só surge quando a quantidade de água no corpo está no limite. Por isso, recomendamos que a pessoa
não espere chegar nesse ponto para se hidratar. Manter uma garrafa de água ao lado da mesa de trabalho, no carro, é uma ótima alternativa”, ressalta o nutricionista esportivo e doutor em fisiologia humana e biofísica Ricardo Zanuto. Segundo
ele, alguns sintomas de que o corpo necessita de água são: urina escura e com cheiro forte, cansaço, sensação de boca seca, pressão baixa, falta de atenção, de memória e problemas de concentração.

Texto: Juliana Borges | Consultoria: Bruna Quaglio, nutricionista e especialista em nutrição aplicada ao exercício físico pela Universidade de São Paulo (USP); Márcia Loureiro, nutricionista da Life Clínica, de Campinas (SP); Ricardo Zanuto, doutor e mestre em fisiologia humana e biofísica pela Universidade de São Paulo (USP) e graduado em educação física, nutrição esportiva e clínica, www.zanuto.com; Sophie Deram, nutricionista doutora em endocrinologia pela USP (Universidade de São Paulo), especialista em nutrigemônica e autora do livro 

LEIA MAIS