Connect with us

O que você está procurando?

Facebook Twitter Instagram Youtube pinterest
Alto Astral
Economizar no fim de ano é uma tarefa difícil, mas necessária
Economizar no fim de ano é uma tarefa difícil, mas necessária - Shutterstock

Finanças e Empreendedorismo

Fim de ano: descubra como iniciar 2024 no azul

Especialista dá dicas de ouro para economizar nas despesas de fim de ano e não começar o ano de 2024 já no vermelho

No fim do ano, é tradição gastar dinheiro com a compra de presentes, amigos secretos, confraternizações, viagens e as ceias de Natal e Ano Novo. Mesmo com o auxílio do 13º salário, alguns já começam o ano com dívidas para pagar.

A fórmula para isso não acontecer na passagem de 2023 para 2024 é se planejar financeiramente. De acordo com Thaíne Clemente, executiva de Estratégias e Operações da Simplic, para cada grande despesa de fim de ano, há uma ou mais formas de diminuir esses gastos e economizar.

A seguir, a executiva elenca algumas dessas dicas e truques:

Presentes para amigo secreto e familiares

Quase ninguém consegue sair ileso de ter que comprar pelo menos um presente no Natal. Embora seja difícil não gastar nada, é possível não gastar tanto.

O ideal é estipular um valor para comprar todas as lembrancinhas, sempre levando em conta o que o seu orçamento permite.

Ceias de Natal e Ano Novo

A hora mais esperada das noites de Natal e de Ano-Novo é a ceia, onde todos se reúnem para ter a melhor refeição em família. Nesse momento, também vale usar estratégias para não se endividar.

“Pesquisar os preços das bebidas e dos itens não perecíveis é essencial, até mesmo comprar antes, se possível. Caso a comemoração seja grande, cada um pode contribuir com um valor ou um prato para não pesar no bolso de nenhum convidado”, alerta Thaíne.

Viagens e passeios

Após um ano corrido, com trabalho, escola e outros eventos, uma viagem ou um passeio prolongado de fim de ano é um descanso merecido.

A solução para economizar é se programar, comprar pacotes de viagem e ingressos de atrações antecipadamente. Ah, e maneirar nas compras durante a viagem, especialmente aquelas por impulso.

Outras dicas

Thaíne recomenda algumas ações essenciais para não contrair dívidas no último mês do ano. A primeira é: tenha uma planilha com todas as suas fontes de renda e despesas, ou use um aplicativo para controle financeiro.

Dessa forma, é possível ter uma visão geral dos gastos de fim de ano e entender o que está sendo gasto em cada categoria e quanto está sobrando.

A especialista indica ainda quitar dívidas, se for possível. Antes de fazer uma nova compra sem se atrapalhar, é ideal estar com as contas em dia. Por último, Thaine dá ideias de como usar o dinheiro extra do fim do ano com sabedoria.

“Se estiver com os débitos em dia, prefira usar o 13º salário a fim de formar sua reserva de emergência e iniciar o planejamento financeiro para os gastos do início do próximo ano. Aliás, continue usando a planilha de gastos ou aplicativo para isso”, diz.

Mais notícias como essa

Saúde

Muitas pessoas acreditam em mitos sobre a dengue e, por isso, acabam não se protegendo da forma correta contra o Aedes aegypti

Receitas

Saiba como fazer um quiabo perfeito, sem baba e sequinho, para preparar uma receita deliciosa com carne moída

Pets

Veterinária explica por que doenças parasitárias em pets são mais comuns no verão, quais são elas e como prevenir e tratar

Finanças e Empreendedorismo

Especialista comenta quais são os aparelhos “gastões” e explica truques para diminuir a conta de energia da sua casa