Karol Conká causa polêmica no BBB e público pede expulsão; entenda

Atitude de Karol Conká com o participante Lucas Penteado não está agradando o público do reality da TV Globo!

None
Reprodução: Instagram

por Baárbara Martinez
Publicado em 02/02/2021 às 11:33
Atualizado às 13:46

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Karol Conká não anda agradando o público do Big Brother Brasil 21 após atitudes controversas com o participante Lucas Penteado.

Karol Conká está há pouco mais de uma semana no reality da TV Globo e já caiu na boca do povo. Tudo porque a participante do grupo Camarote está fazendo comentários discriminatórios em sua trajetória no programa, causando uma grande comoção nacional.

Com fama de mandona, a rapper, que canta sobre empoderamento feminino em suas músicas, tem atacado Lucas Penteado após o brother ter causado uma confusão generalizada em uma festa da casa mais vigiada do Brasil.

No dia seguinte à polêmica, o brother reconheceu seu erro e pediu desculpas, ganhando até um papo motivacional com Projota, outro integrante do grupo Camarote. Mesmo assim, a cantora, influenciando outros participantes da casa a fazer o mesmo, continuou ‘cancelando’ Lucas e brigando com ele constantemente. Karol Conká, inclusive, chegou a afirmar para alguns parceiros de confinamento que iria torturar psicologicamente o rapaz.

A sister chegou a insinuar que Lucas é usuário de drogas e o comparou com o goleiro Bruno, que foi condenado pela morte da modelo Eliza Samudio.

“Tudo que o povo quer ver é esses caras folgados se f*dendo na mão de uma mulher”, afirmou a artista na ocasião. “Aí tem os que vão apoiar, né, gente? Vamos lembrar que o goleiro Bruno tem fãs. Quando a gente sabe disso, a gente relaxa“, continuou a rapper.

Nas redes sociais, internautas afirmaram que abuso psicológico não é entretenimento e subiram a hashtag #KarolConkaExpulsa. Famosos como Ingrid Guimarães, Emicida, Jojo Todynho, entre outros, também entraram na onda e repudiaram as atitudes da artista.

Sem citar nomes, Tatá Werneck, apresentadora do Lady Night, afirmou: “Se as pessoas são capazes de massacrar alguém por um erro na frente de milhões de pessoas, com esse nível de crueldade, imagina o quanto esse abuso psicológico não acomete outras milhares em silêncio”.

Drica Lara, ex-empresária da cantora, fez um desabafo revelador em suas redes sociais dizendo que também sofreu abusos por parte da sister e que acabou entrando em depressão. “Fui aniquilada profissionalmente, difamada e chamada em rede nacional de incompetente e racista! Pensa, na minha área musical, no gênero rap, a maior representante falando para todos que tinha oportunidade as histórias distorcidas que ela mesma criava!”, disse ela através de alguns stories no Instagram.

Após os acontecimentos, um grupo liderado pelo influenciador Thomas Santana organizou um “panelaço” em frente aos Estúdios Globo no Rio de Janeiro para pedir a expulsão de Karol. Depois de ser pressionado, Boninho comentou nas redes sociais que os telespectadores podem eliminar quem quiser no paredão. “O jogo é simples. Faça sua vontade na hora certa”, rebateu o diretor de núcleo da Globo.

Além da perseguição com Lucas, a artista protagonizou episódios de xenofobia, relativização de assédio, preconceito religioso e saúde mental.

Texto: Baárbara Martinez

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.