Entrevista com Monica Iozzi

Ex-repórter do CQC fala sobre a mudança de carreira e os desafios de sua personagem

None

por Redação Alto Astral
Publicado em 18/11/2014 às 16:32
Atualizado às 20:51

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Monica Iozzi deve estrear em Alto Astral no mês janeiro e essa será sua primeira novela na Rede Globo. Depois de trabalhar como repórter do CQC  por quase cinco anos, a moça deixou a Band para se dedicar a carreira de atriz e interpretar a personagem Scarlett na novela das sete que já está no ar. Em conversa com o Papo Feminino, Monica falou sobre como é deixar de ser jornalista para atuar e os desafios dessa nova etapa de sua carreira.

Foto: Luciano Vicioni/Globo

Foto: Luciano Vicioni/Globo

Papo Feminino: Você é jornalista e agora está aqui como atriz, para ser entrevistada pelos colegas. Como é estar do outro lado?
Monica: “Ah, é normal. Não deixo de ser quem eu era. Acho que a gente é profissional em qualquer situação e adoro meus colegas da imprensa. E o trabalho como atriz é algo que eu investi e venho me preparando, então, é tranquilo.”

Papo Feminino: Como lidou com as críticas quando saiu do CQC para ser atriz na Globo?
Monica: “Não vi essas críticas, então não tive problemas. Muita gente me apoiou e está sendo uma experiência muito bacana.”

Papo Feminino: E o pessoal do CQC não ficou chateado com sua saída?
Monica: “Ah, que nada. Eles são meus amigos, me zoam muito e se bobear estão aí na porta pra tirar uma com minha cara.”

Papo Feminino: O que você achou sobre a saída do Marcelo Tas do programa?
Monica: “Depois de ficar muito tempo fazendo a mesma coisa, acho natural você buscar outras coisas para fazer. Acho bom para o programa renovar. Se não me engano, o CQC vai para a oitava temporada. Estar há oito anos no ar é um mérito. Tenho muito orgulho de ter feito parte disso, mas acho que precisa se renovar: no formato, nos integrantes, nas propostas.”

Papo Feminino: E a Dani Calabresa? Você sabe se sai ou se fica?
Monica: “Toda vez que o ano chega ao fim, mil mudanças acontecem, mil propostas… Eu não sei. Eu adoro a Dani e acho que ela é a melhor comediante do Brasil. Seria uma pena se ela saísse, mas ela tem que fazer o que for melhor para ela, né?”

Papo Feminino: Como vai ser sua personagem em Alto Astral?
Monica: “A personagem em si não é muito caricata, mas as situações em que ela se coloca são. Ela é muito humana. As pessoas vão se reconhecer nela em muitas cenas. Mas a Scarlett não é caricata de trejeitos. Ela é uma pessoa extremamente rica que fica completamente pobre. Então, isso gera a possibilidade de várias situações bizarras e engraçadas.

Papo Feminino: Ela vai ser engraçada?
Monica: “Acho que ela não estará muito bem humorada porque ela terá saído do Park Avenue em Nova York para lavar chão (risos).”

Papo Feminino: E é fácil fazê-la? Você tem algo de patricinha?
Monica: “Que nada! Sou mais largada. Ela é bem diferente de mim. Acho que vai ser mesmo um desafio, porque não me preocupo muito com essas coisas de beleza.”

Papo Feminino: Está ansiosa para se ver na novela?
Monica: “Ah, sim. Demais! É meu primeiro trabalho em novela e sempre dá aquele frio na barriga. E hoje, com esse clima de novela no ar, não vejo a hora de começar.”

Papo Feminino: Você vai participar do Big Brother em 2015 de novo?
Monica: “O Boninho já me convidou para participar novamente, mas tudo depende da rotina da novela. Se estiver muito pauleira, não vai rolar. Mas me diverti muito gravando o quadro para o BBB, eu falava o que queria, tirava sarro de quem eu queria, desde os participantes até os discursos filosóficos do Bial. Não tinha texto: eu chegava lá e falava o que queria. Se der, farei com o maior orgulho do mundo porque o Boninho foi essencial para mim. Sou extremamente grata a ele pela confiança. Ele me ajudou a conseguir o que eu queria na emissora. O Boninho disse que gostava de mim e mandou me darem o que eu queria. Então, o que ele me pedir, eu faço. Menos coisas sexuais… (risos).”

Papo Feminino: Você tem algum truque de beleza?
Monica: “Aprendi que quando você está desesperada, sem nada na bolsa, deve beliscar as bochechas porque dá um ar de saudável.”

Papo Feminino: Você mudou o cabelo várias vezes esse ano né?!
Monica: “Pois é. Eu fiz dois filmes. No primeiro filme, O Superpai, meu cabelo estava claro, então, eles escureceram. Para o segundo filme, O Comédia Divina, tive que cortar e deixar ruivo. Só que, na primeira fase desse filme, o cabelo da personagem era comprido e preto. Eu tinha que passar spray preto e colocar aplique. Então, eu já me vi de todos os jeitos. Só faltou Black Power.”

Papo Feminino: Quando esses filmes vão ser lançados?
Monica: O Superpai, com o Danton Melo e a Dani Calabresa estreia em janeiro. O Comédia Divina, com Murilo Rosa e Juliana Alves, acabamos de terminar. O filme tem efeitos especiais. Então, deve estrear só em julho, agosto de 2015. Fazer cinema é meu foco agora.”

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.