Cauby Peixoto: a trajetória e os grandes sucessos

Relembre a biografia do cantor Cauby Peixoto, falecido aos 85 anos, seus grandes sucessos, músicas marcantes e a repercussão de sua morte entre os famosos

None
Foto: João Passos/Colaborador

por Redação Alto Astral
Publicado em 16/05/2016 às 10:05
Atualizado às 20:44

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Faleceu ao fim da noite de domingo (15) o cantor Cauby Peixoto, aos 85 anos. Segundo o G1, ele estava internado com pneumonia desde o dia 09 de maio, em um hospital particular na Zona Sul de São Paulo.

Cauby Peixoto

Foto: João Passos/Colaborador

Biografia de Cauby Peixoto

Cauby nasceu em 10 de fevereiro de 1931 na cidade de Niterói/RJ. No começo dos anos 50, começou a carreira como calouro em programas de rádio como  a “A Hora dos Comerciários”. Trabalhou em diversas boates do Rio de Janeiro e São Paulo como cantor fixo. Seu primeiro disco foi em 1951 e em 1953 vieram outros dois. A voz de Cauby chamou atenção das gravadoras.

O cantor entrou para o cast da Rádio Nacional e virou um verdadeiro fenômeno. Seu empresário Di Veras ajudou em muitas estratégias de marketing e o cantor alcançou rapidamente a fama, chegando a ser perseguido por fãs. Em 1955, o crítico Silvio Túlio Cardoso, do jornal O Globo, lhe deu o título de melhor cantor do ano. Ainda nos anos 50, viajou aos Estados Unidos para tentar carreira internacional, o que acabou não se concretizando.

Angêla Maria e Cauby Peixoto

Foto: Divulgação

Ao lado de sua grande amiga, Ângela Maria, Cauby gravou dois discos no século passado. O primeiro, “Ângela e Cauby“, foi lançado em 1982. Dez anos depois, veio o “Ângela e Cauby ao vivo“. Em 1993, os dois receberam uma homenagem no Prêmio Sharp, para os melhores da MPB. Em 2002,  a dupla se apresentou no Teatro Rival BR em temporada que durou duas semanas. O terceiro disco de Cauby e Ângela veio em 2013, intitulado “Reencontro“. Atualmente, os dois estavam em turnê pelo Brasil, comemorando 60 anos de carreira. No dia 3 de maio, os dois fizeram uma apresentação no Theatro Municipal do Rio de Janeiro.

Cauby Peixoto

Foto: Razvan Raz/Shutterstock Images

Cauby foi um dos grandes nomes da Música Popular Brasileira, sendo inspirado por grandes vozes do jazz e do rock, sendo referência para Chico Buarque, Caetano Veloso, Roberto Carlos e outros nomes da Jovem Guarda. Seu último disco foi lançado em 2015 e foi uma homenagem ao ritmo Bossa Nova (“A Bossa de Cauby Peixoto“).

Canções marcantes

Relembre alguma das mais marcantes canções gravadas na voz de Cauby Peixoto:

As três lágrimas, Conceição, De volta pro Aconchego

Bastidores

Brigas

Luiza

Sangrando

Granada

Il Mondo

Memory

Falando de Amor

Cauby! Cauby!

Onde ela mora

Ninguém é de Ninguém

Repercussão entre os famosos

Confira o que os amigos de Cauby e personalidades disseram nas redes sociais ao receber a notícia do falecimento do cantor:

Nelson Hoineff, diretor do documentário “Cauby – Começaria Tudo Outra Vez”:

Patrícia Pillar:

Maria Rita:

arrasada com essa notícia… não ta facil não hein… #emierriesuaturma #caubypeixoto

Uma foto publicada por Maria Rita (@mariaritaoficial) em

Daniela Mercury:

Ed Motta:

Rafael Cortez:

SAIBA MAIS

Morre aos 85 anos o cantor Cauby Peixoto
7 dúvidas sobre pneumonia

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.