Polícia identifica autor de ataques racistas à filha de Gagliasso e Giovanna

Menina de 14 anos confessa ter feito ataques racistas à Titi, filha de Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank. Saiba como denunciar crimes de racismo on-line

None
FOTO: Reprodução Instagram

por Redação Alto Astral
Publicado em 21/12/2016 às 09:32
Atualizado às 20:26

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Pouco mais de um mês. Esse foi o tempo que a polícia do Rio levou para identificar quem cometeu ataques racistas à Titi, filha do ator Bruno Gagliasso e da atriz Giovanna Ewbank.

Em uma operação realizada na tarde de ontem (20.12), a polícia chegou à suspeita, uma adolescente de 14 anos, moradora de Guarulhos, São Paulo. A menina confessou ter feito as postagens que na internet, usando um perfil falso, com a foto e informações de uma amiga. Segundo a garota, a intenção era “zoar” a colega.

“Ela vai responder criminalmente de acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente. Em nenhum momento ela demonstrou arrependimento. Ela quis não só praticar ofensas contra a filha do Bruno Gagliasso, mas também prejudicar a outra menor que teve o perfil falso criado”, disse a delegada Daniela Terra, em entrevista ao Jornal Nacional.

Bruno Gagliasso, Titi e Giovanna Ewbank

FOTO: Reprodução Instagram

Relembre o caso

Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank prestaram queixa por racismo na Delegacia de Repressão a Crimes de Informática por causa de ataques virtuais contra sua filha Titi, em 14 de novembro, logo após identificarem no Instagram de Giovanna comentários racistas relacionados à pequena: “Vcs tinham que adotar uma menina de olhos azuis isso sim iria combinar e não aquela pretinha parece uma macaquinha #lugardepretoénaafrica!!!”, dizia o comentário

Durante o programa “Domingão do Faustão”, no domingo (13.11), Bruno foi um dos convidados para participar do júri do quadro “Dança dos Famosos” e comentou a repeito do assunto. E finalizou: “Minha filha tem algo que esses caras não tem, que é o amor”. Veja abaixo:

O Dança dos Famosos deste domingo, 13/11, ganhou um jurado para lá de especial: @brunogagliasso. Além do sucesso inquestionável na carreira artística, o ator ainda comemora a nova rotina de papai de primeira viagem. "É muito amor", se derrete o galã por Titi, a menininha que roubou o coração de Giovanna Ewbank durante uma viagem a África pelo Domingão do Faustão, e que acabou sendo adotada pelo casal. No entanto, Bruno passou por uma situação desagradável essa semana, ao receber mensagens preconceituosas sobre sua filha adotiva na internet. Diante dessa triste realidade, o ator aproveita o espaço cedido por Faustão para rebater as críticas: "Minha filha tem algo que esses caras não têm: amor. Em relação ao preconceito, a gente tem que ser intolerante. Eu fiz o que eu tinha que fazer. Agora cabe à polícia".

A video posted by Portal Bruno Gagliasso (@portalgagliasso) on

Como denunciar crime de racismo

Racismo é um crime. No caso de ataques pela internet, existem formas de denunciar. Se o crime for virtual, é possível tirar uma captura de tela do ataque, copiar o link e enviar para órgãos responsáveis. O SaferNet e o Ministério Público Federal possuem sites apropriados para denúncia. Também é possível dar queixa em delegacias comuns e especializadas em crimes raciais.

LEIA TAMBÉM

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.