Seu período pré-menstrual é muito intenso? Pode ser TDPM!

Você já ouviu falar em Transtorno Disfórmico Pré-Menstrual (TDPM)? Os sintomas são muito mais severos que o da TPM. Entenda!

None
Foto iStock.com/Getty Images

por Redação Alto Astral
Publicado em 01/11/2016 às 12:08
Atualizado às 11:54

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Você já ouviu falar em Transtorno Disfórmico Pré-Menstrual(TDPM)? É possível que não, embora possa até sofrer com ele – entre 3% e 8% das mulheres têm e não sabem. Apesar da semelhança de nome com a Tensão Pré-Menstrual (TPM), a diferença é que o primeiro causa desconfortos bem mais severos, que não passam espontaneamente. Fique atenta às orientações do especialista e descubra se você tem o problema.

Mulher, branca, morena, linda, nervosa, irritada, gritando

Foto iStock.com/Getty Images

Parece ou é?

Segundo o psiquiatra Marco Antonio Abud Torquato Jr, o Transtorno Disfórmico Pré-Menstrual é diagnosticado quando há pelos menos cinco de 11 sintomas, sendo estes os principais: oscilações bruscas e intensas de humor; irritabilidade e agressividade exageradas; desânimo para realizar atividades costumeiras; sentimento de depressão chegando a crises de choro injustificáveis e aumento de peso acima de dois quilos. Um deles precisa ser considerado de intensidade 4, numa escala crescente de 1 a 4.

Fique atenta

“As mulheres que sofrem desse transtorno podem demorar a receber o diagnóstico correto, devido à semelhança de sintomas com a TPM comum”, conta Torquato Jr. Quando não tratado, o transtorno pode prejudicar a vida pessoal e profissional da mulher por causa da intensidade dos sintomas que levam a comportamentos e sentimentos bastante desagradáveis. “Pode mascarar ou piorar outros quadros psiquiátricos, principalmente a depressão e a ansiedade, além de aumentar o risco de depressão pós-parto”, alerta.

Leia também:

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.