A maioria dos brasileiros desconhecem suas taxas de colesterol

Uma pesquisa recente alerta as pessoas sobre as taxas de colesterol do organismo. Você sabe como anda esse índice e quais as causas do descontrole? Veja!

None
Foto Istock.com/getty images

por Redação Alto Astral
Publicado em 14/03/2017 às 09:25
Atualizado às 13:37

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

O levantamento feito pelo Departamento de Aterosclerose da Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC), realizado pelo Instituto Ipsos, mostra que 67% das pessoas não sabem informar quais são as suas taxas de colesterol atuais.  Isso mesmo, a população brasileira ainda é bastante desinformada em relação a esse assunto ou se não se preocuparam tanto. O cardiologista Henrique Tria Bianco, um dos responsáveis pela pesquisa sobre taxas de colesterol atuais, explica que o levantamento ajudou a perceber que a população não tem noção da gravidade do problema. Levando em consideração esse estudo, veja abaixo o que pode causar essas alterações!

alimentos

Fuja dos alimentos gordurosos e invista nos naturais Foto istock.com/getty images

Alimentação

Existem alimentos que são muito gordurosos e, assim, o fígado não consegue metabolizar, aumentando os níveis de gordura no sangue. “Os alimentos que contêm maior quantidade de gordura podem atrapalhar o organismo e gerar excesso, aumentando o colesterol”, diz a nutricionista Paula Castilho. Evite: industrializados e as frituras.

Fator genético

A genética pode sim ocasionar o aumento do colesterol ruim (LDL), pois o organismo de algumas pessoas é deficiente na metabolização de gordura. A nutricionista explica que isso é um distúrbio genético, que faz com que a pessoa acabe tendo mais gordura no sangue, sem muitas vezes nem consumir produtos com alta concentração de gordura.

mulher medindo a circunferência da barriga

Está acimar do peso pode ser um fator de risco Foto Istock.com/Getty images

Peso elevado

Muitas pessoas obesas não têm colesterol alto, e muitas pessoas magras têm colesterol elevado. Mesmo assim, é importante controlar o peso. “Tem-se verificado que o ganho de peso durante a vida adulta aumenta o risco de doenças coronarianas e mortalidade em ambos os sexos, independentemente da presença de outros fatores de riscos cardiovasculares clássicos” afirma Paula.

Abuso de drogas e álcool

Usar drogas e ingerir álcool em excesso é prejudicial à saúde e não podia ser diferente quando o assunto é o LDL. É que essas substâncias sobrecarregam muito o organismo, aumentando os níveis de toxinas do sangue. Assim, o fígado não consegue trabalhar de maneira correta, o que provoca desvios de funções, como a filtragem de gordura do sangue.

Consultoria Paula Castilho, nutricionista
Texto Redação Alto Astral

Leia também: 

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.