ESTILO DE VIDA

Solidão em excesso pode prejudicar sua saúde, diz estudo

De acordo com uma pesquisa, a saúde pode estar em risco se você passar muito tempo sozinho ou isolado. Solidão demais faz mal, sim!

None
FOTO: Shutterstock

por Redação Alto Astral
Publicado em 06/09/2016 às 19:53
Atualizado às 20:57

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Parece assustador, mas sabia que ficar muito tempo sozinho pode aumentar os riscos de derrame ou ataque cardíaco? Esses problemas, que estão geralmente ligados a maus hábitos alimentares e sedentarismo, também estão superligados à solidão. Saiba mais sobre esse estudo e descubra os motivos dessa descoberta!

solidao-pode-causar-derrame-pesquisa

FOTO: Shutterstock

Saiba mais!

Saiba como ser feliz mesmo com a solidão

Dicas para evitar a solidão

10 dicas para aumentar a autoestima pessoal e profissional

Coração em risco

Para chegar a essa conclusão, o estudo foi feito por pesquisadores na universidades de York, Liverpool e Newcastle, na Inglaterra. Ao acompanharem por vários meses a rotina de 181 mil pessoas, eles perceberam que aquelas que tinham menos contato com outras pessoas, ou seja, tinham a solidão instalada na rotina com mais frequência, sofriam com problemas maiores de circulação e outras complicações cardíacas. O resultado, em números, foi o seguinte: quem vive longe da família e dos amigos têm cerca de 30% a mais de chance de sofrer um derrame ou um ataque cardíaco.

solidao-pode-causar-derrame-pesquisa

FOTO: Shutterstock

O motivo real

Segundo a pesquisa, isso ocorre devido às pessoas mais sozinhas cultivarem hábitos prejudiciais, como fumar, beber e serem sedentárias. No entanto, outras pesquisas já explicaram essa relação de uma forma mais orgânica: ter amigos faz cair o nível de cortisol (que é um hormônio ligado ao estresse), o que diminui os riscos de sofrer de problemas cardíacos.