ESTILO DE VIDA

Entenda o que é sarcopenia, uma doença comum na terceira idade!

A sarcopenia acontece junto com a osteoporose, por isso a prevenção da primeira colabora para a segunda. Confira mais sobre essa doença!

None
Segundo especialista a sarcopenia e osteoporose são alterações que costumam ocorrer conjuntamente. FOTO: shutterstock.com

por Redação Alto Astral
Publicado em 10/11/2017 às 11:00
Atualizado às 16:46

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Perda muscular, emagrecimento, falta de força e dificuldade para subir uma escada na terceira idade são indícios de sarcopenia. Esse nome trata da perda de massa muscular levando, como consequência, à uma diminuição da sua função. De “normal” a sarcopenia não tem nada, pois é um típico caso de senilidade, ou seja, envelhecimento precoce ou doentio.

De acordo com o nutrólogo Máximo Asinelli, “diversos fatores podem estar ligados a essa doença, podendo ser citados os déficits hormonais do envelhecimento, o déficit proteico alimentar, a baixa atividade física além da comorbidade desencadeada por doenças como diabetes, hipotireoidismo, erros do metabolismo, doenças de má absorção, doenças imunológicas etc”, explica.

idoso

Com a terceira idade, é normal o aparecimento de alguns problemas, porém eles podem ser prevenidos ou amenizados. FOTO: shutterstock.com

Esse problema influencia diretamente a vida cotidiana do idoso, o que implica em uma menor capacidade para a realização de tarefas do dia a dia, bem como uma menor capacidade de equilíbrio em terrenos acidentados (ruas com desníveis e buracos), causando uma tendência a quedas, por exemplo.

Existe prevenção!

A única solução para evitar esse problema é manter em alta a qualidade de vida boa durante os anos, até chegar a terceira idade. Isso implica em uma alimentação saudável com a prática de exercícios físicos. O nutrólogo ainda ressalta: “uma correção alimentar, à  base de suplementos proteicos vitaminados, associada à atividade física com exercícios de resistência, pode prevenir ou mesmo reverter quadros de sarcopenia fisiológica”.

idosos

Quanto maiores a quantidade e a força dos músculos, melhores são os indicadores de saúde. FOTO: shutterstock.com

Máximo ainda indica a  prescrição de exercícios individualmente. Portanto, o paciente precisa passar por uma análise de seu biotipo, sua dinâmica muscular, sua biomecânica articular e seu estado nutricional.

Fonte: Máximo Asinelli, nutrólogo do hospital de Medicina e Cirurgia do Paraná e da Asinelli Clínicas

Leia também: