Retenção de líquido ou excesso de gordura? Saiba identificar

Faltam poucos quilos para os ponteiros da balança despencarem, mas a retenção de líquido não vai embora? Confira dicas para acabar com esse incômodo

None
Foto: Shutterstock.com

por Redação Alto Astral
Publicado em 30/08/2016 às 21:00
Atualizado às 12:30

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Não consegue ter sucesso na luta contra os ponteiros da balança? Não desanime! A razão para isso pode ser um simples aumento de temperatura ou até mesmo má alimentação combinada à falta de exercícios físicos. E a solução é mais simples do que se imagina: fizemos uma lista para desvendar o que faz você engordar da noite para o dia e como acabar com a retenção de líquido para secar os quilos extras. Teste você mesma e comprove os resultados!

Retenção ou gordura extra? Identifique e acabe de vez com esses problemas

Foto: Shutterstock.com

Clima quente

O aumento da temperatura favorece o inchaço do corpo porque os vasos sanguíneos ficam mais dilatados, ocasionando o acúmulo de líquido em excesso entre as células. Isso acontece porque o organismo precisa se defender do calorão e criar maneiras de suportar o clima quente.

VEJA TAMBÉM:

10 truques para eliminar o excesso de gordura do seu cardápio

Confira o top 10 alimentos que combatem o inchaço

Aposte nos alimentos funcionais para perder peso com saúde 

Fases da mulher

No período pré-menstrual, é comum ocorrer retenção de líquidos nos tecidos frágeis, o que tende a causar dor de cabeça, complicação intestinal e inchaço nas pernas. Durante a gestação, o acúmulo de água acontece devido ao aumento do útero, dificultando o retorno do sangue ao coração.

Roupas apertadas

Elas podem prejudicar a saúde e a estética de seu corpo. Usar tecidos muito justos compromete a boa circulação sanguínea, principalmente nas pernas e pés, causando varizes e inchaço.

Má alimentação

Um dos maiores causadores de inchaço é o uso excessivo de sal no dia a dia. Apesar de ser fundamental ao organismo, exagerar no sódio estimula a liberação de hormônios que retêm líquidos, ocasionando o aumento de determinadas partes do corpo.

Postura

A postura pode interferir no inchaço, especialmente na região da barriga. Por isso, crie o hábito de manter a coluna ereta, já que isso mantém a musculatura abdominal fortalecida.

Atividades físicas

Nunca deixe de lado as atividades físicas: até mesmo uma simples caminhadacontribui para a boa circulação do sangue, fazendo com que o risco de retenção hídrica seja menor.

Anticoncepcionais

Alguns anticoncepcionais podem favorecer a retenção hídrica. Consulte seu ginecologista para fazer os exames necessários e descobrir a melhor pílula para o seu caso.

Automassagem

Faça uma automassagem depois do banho. Para isso, massageie o abdome com as mãos voltadas para baixo, deslizando-as desde a região do quadril até a virilha. Repita o movimento cinco vezes.

Texto: Jacque Lopes; Fer Vasconcelos e Thaís Farias/Colaboradoras | Consultoria: Fernanda Granja e Luana Stoduto, nutricionistas; Elaine Vital, nutricionista e fisioterapeuta;  Henrique Oti Shinomata, ginecologista; Hélito Abreu, esteticista cosmetologista; Paula Cabral, nutróloga;  Silvia Bretz, endocrinologista; Tereza Freire e Tereza Revoredo, massoterapeutas