Quarto de bebê: 3 móveis essenciais e o que não deve ter no cômodo

O quarto de bebê precisa alinhar conforto com funcionalidade. A arquiteta Cybele Kinoshita lista 3 itens essenciais ao idealizar este tipo de cômodo

None

por Redação Alto Astral
Publicado em 16/12/2016 às 10:36
Atualizado às 13:32

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Um quarto de bebê deve ser projetado com cuidado, pois precisa alinhar conforto com funcionalidade. A arquiteta Cybele Kinoshita lista 3 itens essenciais ao idealizar este tipo de cômodo.

Quarto de bebê, cama, boneco, bola, guarda roupa, decoração verde

Foto iStock.com/Getty Images

Berço

Sempre tem o mesmo tamanho de colchão (geralmente 1,30 x 70 cm), então é necessário considerar as medidas deste item no ambiente. A arquiteta comenta que prefere comprar berços em lojas e não sob medida, pois a ergonomia já é pensada pelo fabricante.

Guarda-roupa

A profissional costuma fazer um guarda-roupas que sirva por um bom tempo, até quando a criança crescer. Segundo Cybele, essa fase do bebê passa muito rápido e um guarda-roupa não é um item com baixo custo para trocar sempre.

Cômoda com trocador

A cômoda com trocador auxilia as atividades do dia a dia da mãe com o bebê. “Tratase um item multiuso no quarto, pois serve para trocar e limpar a criança ”, comenta Cybele.

No quarto não!

“Não se deve utilizar tapetes e carpetes, muitos bichinhos de pelúcia, cortinas muito rebuscadas, revistas e livros antigos e umidificadores ambientais. E de maneira nenhuma deixe que o quarto do bebê tenha paredes ou tetos com bolores. Além disso, roupas e cobertores de lã precisam estar protegidos”, alerta o Dr. Bactéria.

Leia também:

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.