O profissional ideal para emagrecer com saúde

Nutrólogo, nutricionista, médico ortomolecular ou endocrinologista: qual a melhor opção para te ajudar a emagrecer?

None
Foto: PureStockX/DIOMEDIA

por Redação Alto Astral
Publicado em 30/05/2016 às 09:57
Atualizado às 15:39

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Após a decisão de transformar o estilo de vida, podem surgir algumas dúvidas, pois mudar a alimentação não é uma tarefa fácil: além de foco e força de vontade, é preciso realizar esse processo corretamente, a fim de ingerir os nutrientes ideais para que a saúde não seja prejudicada. Para isso, visitar um consultório e contar com apoio profissional adequado mostram-se atitudes fundamentais. Mas, afinal, quais são os especialistas responsáveis por tornar esse processo ainda mais eficaz?

Shutterstock Images

FOTO: Shutterstock

Nutrólogo em ação

O objetivo desse profissional é beneficiar toda a saúde por meio da alimentação. Por exemplo, caso as taxas de triglicérides ou colesterol estejam altas no organismo, o nutrólogo fará uma adequação na dieta do paciente para que esses índices sejam normalizados. Com isso, todo organismo só tem a ganhar, já que alimentos mais saudáveis passarão a fazer parte da rotina. Uma das principais diferenças entre o nutricionista e o nutrólogo é o fato de o segundo poder intervir com medicamentos durante o tratamento, se necessário. Ambos os profissionais têm como objetivo principal a promoção da saúde, de modo a ensinar ao paciente a maneira correta de levar as melhores refeições à mesa.

O papel do nutricionista

Ele se mostra apto para iniciar um processo de reeducação alimentar, que consiste em deixar de lado os velhos hábitos prejudiciais e passar a aderir uma rotina repleta de saúde e naturalidade. Antes de tudo, será necessário realizar uma avaliação física completa, depois, e elaborar um cardápio exclusivamente de acordo com a saúde do paciente. Assim, tendo como base os objetivos específicos de cada um, o profissional acompanhará todo o processo bem de perto, de maneira a fazer sempre as melhores indicações sem colocar o organismo em risco – ao contrário do efeito que se consegue com as dietas restritivas, que prometem alcançar o corpo dos sonhos sem colocar a saúde em primeiro lugar, uma atitude completamente arriscada.

SAIBA MAIS

Use a tecnologia para ajudar na perda de peso
5 dicas para facilitar sua dieta
Saiba como mudar os hábitos alimentares nas crianças

Médico ortomolecular

Nesse caso, o médico é especialista em medicina ortomolecular, o que significa que está apto para identificar as principais deficiências nutricionais existentes no corpo do paciente. Para isso, ele fará avaliações clínicas levando em consideração exames específicos, todos com o objetivo de trazer equilíbrio ao organismo. Além de sugerir mudanças na alimentação, o médico ortomolecular também pode receitar algum tipo de suplemento. “Dependendo do grau de deficiência, além da mudança nos hábitos alimentares, suplementos são necessários, pois, por meio da alimentação somente, sem nutrientes em doses extras, o problema pode demorar muito tempo para ser corrigido”, salienta a nutróloga e médica ortomolecular Tamara Mazaracki.

Endocrinologista

Muita gente pensa que esse profissional é responsável por ajudar no processo de emagrecimento, entretanto, não é verdade. Oendocrinologista tem como objetivo verificar e controlar as taxas hormonais do corpo, que nada mais são do que substâncias produzidas por diversas glândulas espalhadas nele. Alguns desses hormônios (quando em falta ou excesso) têm como efeito colateral a perda ou aumento de peso, o que acaba co-relacionando o profissional a algum tipo de dieta. Algumas doenças que levam os pacientes a procurar um especialista em endocrinologia são: diabetes, disfunções de crescimento, hipotireoidismo e hipertireoidismo, descontroles renais, entre outras.

Texto: Paula Santana

Pare de sofrer. Aprenda a lidar com a ansiedade, baixe nosso e-book totalmente gratuito.

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Ao assinar nossa newsletter, você concorda com os termos de uso do site.