ESTILO DE VIDA

Problemas emocionais podem trazer consequências para o resto do corpo!

Bem-estar e saúde é uma união entre corpo e mente. Ambos precisam estar em sintonia, caso contrário problemas emocionais podem afetar o corpo.

None
Foto Shutterstock.com

por Redação Alto Astral
Publicado em 09/09/2016 às 20:34
Atualizado às 20:57

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

As emoções possuem forte influencia em partes do corpo. Por exemplo, pessoas que estão em fase de sofrimento emocional apresentam infecções. A psiquiatra Maria Cristina de Stefano explica que isso acontece porque em momentos de preocupação ou tristeza, o corpo libera cortisol, o hormônio do estresse. A liberação dessa substância pode reduzir a imunidade, deixando o organismo vulnerável a doenças. O que também pode ocorrer é a pessoa já ter um problema de saúde, mas que se agrava quando ela está em momentos de tensão, como por exemplo, a asma. Confira outros exemplos que comprovam isso!

Corpo Humano, pulmões, sistema respiratório

Foto Shutterstock.com

SISTEMA RESPIRATÓRIO

Muitos não imaginam, mas problemas como bronquite e asma, que dificultam o trabalho dos pulmões, podem estar relacionados às emoções.

CORAÇÃO

Ao passar por situações desgastantes, você já sentiu o coração acelerado ou uma sensação de aperto? Saiba que o órgão é um dos principais afetados pelas emoções.

ilustração de um cérebro

Foto Istock.com/Getty Images

CÉREBRO

Responsável por comandar todas as funções do corpo, a mente também pode ser afetada pelos sentimentos negativos. A enxaqueca é um exemplo claro.

SISTEMA DIGESTIVO

Úlcera e gastrite, que afetam grande parte da população mundial (segundo a Organização Mundial da Saúde – OMS -, mais da metade dela) também podem ser desencadeadas por conta dos distúrbios emocionais.

PELE

Situações de estresse podem causar dermatite, lúpus e até mesmo queda de cabelo.

Saiba mais:

Entenda por que sabonetes antibacterianos foram proibidos nos EUA

Alimentos que prejudicam a digestão

Sem crises: 5 dicas para afastar problemas respiratórios

Consultoria Maria Cristina de Stefano, psiquiatra