ESTILO DE VIDA

Pilates ajuda a ter força e disposição na gravidez

O pilates é um exercícios que traz benefícios ao corpo e pode ser feito por qualquer pessoa, inclusive grávidas. Mas é bom ter acompanhamento profissional.

None
FOTO: Shutterstock

por Redação Alto Astral
Publicado em 25/08/2016 às 19:20
Atualizado às 20:59

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Exercícios físicos são indicados para todas as pessoas, pois trazem inúmeros benefícios, inclusive para as gestantes, que não devem abandonar as atividades físicas durante a gravidez. O pilates é uma boa opção para as mamães, pois além de alongar, fortalece os músculos do abdome e o assoalho pélvico.

Confira duas opções de exercícios que você pode praticar em casa. Mas atenção: o fisioterapeuta e instrutor de pilates Antônio Cláudio Fretz alerta que as posições só podem ser praticados depois do terceiro mês de gestação e com a autorização do médico responsável.

O pilates traz benefícios quando praticado na gravidez

FOTO: Shutterstock

Fortalecimento de glúteos e coxas

1. Suba no bosu (aquela meia-bola), alinhe a coluna e posicione os pés em “V” (calcanhares unidos e pontas separadas).

2. Segure com as duas mãos em uma superfície estável e realize flexões dos joelhos, sem empinar o quadril. Faça 10 repetições.

SAIBA MAIS:

Exercícios para fazer durante a gravidez

Alimentação sem erros na gravidez: confira dicas!

Aposte em exercícios dentro de casa para secar a barriga

Alongamento da cervical

Em pé, segure a cabeça com uma mão e incline para um lado para alongar a musculatura lateral do pescoço e superior do ombro. Permaneça por 30 segundos e alterne o lado.

Alongamento lateral do tronco

1. Sente em uma superfície não muito alta, coloque uma bola ao lado, estique as pernas para a frente e mantenha os braços elevados na lateral – a mão que estiver do mesmo lado que a bola deve se apoiar nela.

2. Enrole o tronco lateralmente e apoie na bola. O braço oposto vem por cima da cabeça. Procure manter o quadril bem apoiado. Permaneça por 30 segundos e alterne o lado da bola e dos movimentos.

Consultoria Antônio Cláudio Fretz, fisioterapeuta e instrutor de pilates

TAGS