ESTILO DE VIDA

Emagrecer: confira 3 motivos que dificultam esse processo!

Emagrecer se torna mais difícil quando chega a idade. Porém, existem outras causas que podem dificultar esse processo. Confira!

None
Foto shutterstock.com

por Redação Alto Astral
Publicado em 15/09/2016 às 20:43
Atualizado às 20:57

COMPARTILHEShare to WhatsappShare to FacebookShare to LinkedinShare to TwitterShare to Pinteres

Porque emagrecer é tão difícil? Todo alimento, além de nutrientes, também fornece calorias, o combustível para o motor humano operar. No entanto, em um carro, a gasolina que não é gasta após o abastecimento permanece no tanque para ser usada em uma ocasião futura. No corpo, as calorias acumuladas são convertidas em gordura, que se concentra principalmente na região abdominal. Existem alimentos menos e mais calóricos e cabe a você optar por aqueles que vão fornecer a dose certa de energia para todo um dia. Se você já controla a alimentação e pratica esportes com frequência, mas não emagrece ainda assim, deve se atentar para certos fatores:

Homem, barriga grande, acima do peso

Foto shutterstock.com

Histórico familiar

Quando seus pais, irmãos, tios e primos são, na maioria, obesos, você tem boas chances de apresentar a mesma tendência. Embora o fator genético tenha seu peso, a prevenção ou não é o que realmente fará diferença: “Se a pessoa tiver hábitos saudáveis, a chance de se tornar obesa é pequena, mas existe. A prevenção da obesidade naqueles descendentes de obesos começa na infância, aumentando a atividade física e adotando uma alimentação rica em fibras e proteínas magras”, destaca a endocrinologista Rosana Radominski.

Metabolismo lento

O termo metabolismo se refere ao conjunto de reações químicas ocorridas no organismo para a formação e decomposição das células. A conversão dos alimentos em nutrientes e calorias é uma parte desse processo. Sexo, idade, peso e estilo de vida são só alguns dos fatores que, combinados, fazem com que diferentes pessoas apresentem um metabolismo mais rápido ou mais lento. Uma das causas para a queda no metabolismo pode ser o hipotireoidismo, quando a glândula tireoide funciona abaixo do seu ritmo normal. Nesse caso, é preciso observar outros sintomas como cansaço, queda de cabelo, excesso de sono, prisão de ventre, dificuldade de concentração e perda de libido.

homem comendo chocolate

Foto Shutterstock.com

Ansiedade

Sem perceber, muita gente desconta na comida as angústias que vive em outros aspectos da vida. Como comer é uma atividade prazerosa, acaba servindo como um recurso para alcançar o bem-estar momentâneo. “É importante estar em contato com nossos sentimentos para não recorrer a refúgios como a comida. Técnicas de meditação e relaxamento ensinam o corpo e a mente a entrar em um estado de atenção plena, mais lento e tranquilo. A psicoterapia pode ensinar técnicas para controlar a ansiedade”, aconselha a psicóloga Cecília Zylberstajn.

Saiba mais:

De olho na obesidade infantil!

Sedentarismo mata mais que obesidade, diz pesquisa

Distúrbios alimentares e ansiedade: qual é a relação?

Consultoria Rosana Radominski, endocrinologista; Cecília Zylberstajn, psicóloga